Destroços adiam conserto de antena na Estação Espacial Internacional

A agência espacial norte-americana NASA anunciou o adiamento da caminhada que dois astronautas iam realizar na terça-feira para consertar uma antena da Estação Espacial Internacional (ISS), devido à existência de destroços a flutuar na zona.

Destroços adiam conserto de antena na Estação Espacial Internacional

Destroços adiam conserto de antena na Estação Espacial Internacional

A agência espacial norte-americana NASA anunciou o adiamento da caminhada que dois astronautas iam realizar na terça-feira para consertar uma antena da Estação Espacial Internacional (ISS), devido à existência de destroços a flutuar na zona.

“Face à impossibilidade de avaliar corretamente o risco que isso poderia representar para os astronautas, as equipas decidiram adiar a viagem marcada para 30 de novembro até que tivessem mais informações”, enfatizou a NASA.

Até ao momento, nenhuma nova data foi definida para os astronautas saírem da ISS que visava a substituição de uma antena no exterior no laboratório especial que recentemente perdeu a sua capacidade de enviar sinais para a Terra através do Sistema de Satélite de Rastreio e Retransmissão de Dados da agência espacial.

O mau funcionamento da antena localizada na Porta 1 não deixou o ISS sem comunicação, que possui sistemas adicionais de banda S de baixa velocidade, assim como o sistema de comunicações de banda KU de alta velocidade que transmite vídeo, mas os administradores da missão decidiram substituí-la por uma nova.

Os astronautas Thomas Marshburn e Kayla Barron planearam passar seis horas e meia fora da ISS para substituir a antena com a ajuda do braço robótico Canadarm2, controlado internamente por Matthias Maurer da Agência Espacial Europeia (ESA).

Marshburn, Barron e Maurer da missão SpaceX Crew 3 chegaram à ISS em 11 novembro para uma estadia científica de seis meses a bordo da nave Crew Dragon Endurance.

Comandada pelo astronauta norte-americano Raja Chari, a missão Crew-3 é, como o próprio nome sugere, a terceira missão tripulada a chegar à ISS com astronautas da NASA e de outras agências espaciais em naves da SpaceX, provenientes dos Estados Unidos.

Os quatro astronautas da missão Crew-3 ocupam os postos deixados pelos quatro membros da tripulação Crew-2 na ISS, que regressaram à Terra seis meses depois.

JML//RBF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS