Covid-19: Timor-Leste regista segundo maior número de casos num único dia, 120

Timor-Leste registou hoje 120 novos casos de infeção com SARS-CoV-2, o segundo maior total de sempre num único dia, com a quase totalidade a registar-se na capital Díli.

Covid-19: Timor-Leste regista segundo maior número de casos num único dia, 120

Covid-19: Timor-Leste regista segundo maior número de casos num único dia, 120

Timor-Leste registou hoje 120 novos casos de infeção com SARS-CoV-2, o segundo maior total de sempre num único dia, com a quase totalidade a registar-se na capital Díli.

Em comunicado, o Centro Integrado de Gestão de Crise (CIGC) explica que, além de 116 casos em Díli, se registaram dois casos em Baucau e um caso em Lautem e outro em Liquiçá.

As autoridades registaram um total de 43 casos recuperados com o número de casos ativos a subir para 2.396, novo máximo, e o total acumulado desde o início da pandemia a subir para 2.396.

Entre os casos de infeção registados hoje há seis com sintomas da covid-19.

O CIGC anunciou ainda que o número de casos moderados e graves no centro de isolamento de Vera Cruz voltou a subir, para 28.

Há atualmente sete casos graves (seis no serviço de medicina interna e um no serviço de pediatria) e 21 casos moderados.

No caso de Díli as infeções das últimas 24 horas correspondem a 10,27% dos 1.169 testes realizados na capital, mais de metade dos quais a pessoas que pretendiam sair de Díli, onde está em vigor uma das várias cercas sanitárias do país.

No que se refere aos municípios os casos positivos representam 1,22% dos 328 testes realizados.

A taxa de incidência em Díli é agora de 20,7 por 100 mil habitantes enquanto a nível nacional a taxa é de 6,4 por 100 mil habitantes.

As autoridades revelaram ainda que entre 01 e 30 de abril houve um total de 59 pessoas infetadas que puderam cumprir isolamento terapêutico em casa, mediante um conjunto de critérios previstos pelo Ministério da Saúde, dos quais sete já recuperados.

O critério exige que se cumpram várias condições nas casas, permite apenas o isolamento em casa a pessoas assintomáticas ou com sintomas ligeiros e a pessoas que não tenham comorbidades.

Timor-Leste está em estado de emergência até ao início de junho, com vários municípios sob cerca sanitária e Díli com confinamento obrigatório até pelo menos 13 de maio.

Nos últimos dois dias, desde a retomada do confinamento obrigatório, efetivos da Polícia Nacional de Timor-Leste (PNTL) têm reforçado as patrulhas na cidade, informando a população sobre as regras e retendo para identificação várias pessoas.

Entre as pessoas retidas e identificadas estiveram quatro portugueses que estavam a fazer desporto, algo que não é permitido. O grupo foi identificado no quartel da polícia em Caicoli e depois deixado sair.

As autoridades têm estado igualmente a verificar se restaurantes e lojas cumprem as regras em vigor, já que no anterior período de confinamento houve estabelecimentos que não o fizeram.

 

ASP // EA

Lusa/Fim

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS