Covid-19: Timor-Leste regista hoje um novo caso, 28.º desde início da pandemia

Timor-Leste registou hoje um novo caso da covid-19, o 28.º desde o início da pandemia, um cidadão estrangeiro que entrou pela fronteira terrestre com a Indonésia, anunciou uma responsável do Governo.

Covid-19: Timor-Leste regista hoje um novo caso, 28.º desde início da pandemia

Covid-19: Timor-Leste regista hoje um novo caso, 28.º desde início da pandemia

Timor-Leste registou hoje um novo caso da covid-19, o 28.º desde o início da pandemia, um cidadão estrangeiro que entrou pela fronteira terrestre com a Indonésia, anunciou uma responsável do Governo.

Odete da Silva, diretora dos Serviços de Saúde, disse em conferência de imprensa que se trata de um cidadão que foi testado no dia 23 de setembro, cujo resultado foi conhecido na noite de domingo e que está já em isolamento no Centro de Vera Cruz.

A responsável do Governo disse que o cidadão em causa entrou legalmente pela fronteira, notando, porém, a crescente preocupação do executivo pelas entradas ilegais, que só este mês atingiram as 385 pessoas.

“Todos foram para quarentena, alguns já saíram, mas continuam ainda 175 a cumprir quarentena”, explicou.

Aos jornalistas, Odete da Silva admitiu a preocupação do Governo face ao número de pessoas atualmente em quarentena ou auto confinamento, quase 900.

“Estamos com um número de chegadas muito maior, especialmente agora no que toca a aviões. Esta semana vamos analisar para podermos ser mais estritos nas viagens, especialmente no que toca a voos”, disse.

O Governo vai igualmente controlar as entradas por terra, reabrindo agora a fronteira terrestre durante um período de duas horas a cada 17 dias.

“Estava prevista a abertura amanhã, mas devido à situação das quarentenas, só vamos abrir em meados de outubro”, explicou.

A responsável timorense pediu a cooperação de todos para continuar o combate à covid-19, especialmente perante o aumento de casos nos países vizinhos, para “prevenir e evitar transmissão comunitária”.

Odete da Silva recordou que é necessário que quem pretenda entrar no país tenha testes PCR negativos à covid-19 e que, as pessoas com autorização para cumprir auto quarentena, “sigam estritamente todas as regras”.

“Felizmente não temos até agora qualquer caso grave no país, e a maioria dos casos são assintomáticos, por isso é importante manter a vigilância”, disse.

O novo caso foi confirmado dois dias antes de o Presidente da República, Francisco Guterres Lu-Olo, ouvir o Conselho de Estado e o Conselho Superior de Defesa e Segurança sobre o pedido do Governo para uma nova extensão do estado de emergência, cujo atual período termina no domingo.

Atualmente, e segundo os dados atualizados do Ministério da Saúde, há 602 pessoas em quarentena em instalações do Estado ou hotéis, dos quais 427 em Díli, 37 em Bobonaro, 63 em Covalima e 25 em Oecusse.

Somam-se a esse total 297 em auto quarentena, dos quais 164 em Díli e 130 no município de Liquiçá.

Há neste momento um total de 488 pessoas ainda à espera de conhecer o resultado da sua análise, tendo sido desde o início da pandemia realizados 7691 testes.

Desde o início da pandemia, Timor-Leste registou 28 casos da doença, dos quais 27 já recuperados, o mais recente dos quais foi dado como recuperado na semana passada.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de um milhão de mortos e mais de 33 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

 

ASP // VM

Lusa/Fim

 

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS