Covid-19: Sobe para 14 o número de mortes em lar de Vila Nova de Cerveira

A morte, hoje, de mais um utente do Lar Maria Luísa, em Vila Nova de Cerveira, aumentou para 14 o número total de óbitos associados à covid-19 e outros seis idosos permanecem hospitalizados, disse o presidente da Câmara.

Covid-19: Sobe para 14 o número de mortes em lar de Vila Nova de Cerveira

Covid-19: Sobe para 14 o número de mortes em lar de Vila Nova de Cerveira

A morte, hoje, de mais um utente do Lar Maria Luísa, em Vila Nova de Cerveira, aumentou para 14 o número total de óbitos associados à covid-19 e outros seis idosos permanecem hospitalizados, disse o presidente da Câmara.

A morte, hoje, de mais um utente do Lar Maria Luísa, em Vila Nova de Cerveira, aumentou para 14 o número total de óbitos associados à covid-19 e outros seis idosos permanecem hospitalizados, disse o presidente da Câmara.

A morte, hoje, de mais um utente do Lar Maria Luísa, em Vila Nova de Cerveira, aumentou para 14 o número total de óbitos associados à covid-19 e outros seis idosos permanecem hospitalizados, disse o presidente da Câmara.

Em declarações à agência Lusa, Fernando Nogueira, adiantou que “o estado de saúde dos seis utentes internados no hospital de Santa Luzia, em Viana do Castelo, inspira cuidados”.

Na Estrutura Residencial para Idosos (ERPI) permanecem 50 idosos.

O primeiro surto de covid-19, que atingiu o Lar Maria Luísa, da Santa Casa da Misericórdia de Vila Nova de Cerveira, teve início no dia 12.

Na altura, infetou 41 dos 70 utentes e nove dos 48 funcionários no distrito de Viana do Castelo.

“No sábado começam a regressar os primeiros colaboradores com alta autorizada pela Saúde Pública e que, progressivamente, serão incorporados nas suas funções”, explicou Fernando Nogueira.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.176.000 mortos resultantes de mais de 100 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 11.608 pessoas dos 685.383 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS