Covid-19: PM de Cabo Verde renova apelo para cumprimento de orientações das autoridades

O primeiro-ministro de Cabo Verde, Ulisses Correia e Silva, voltou hoje a apelar a todos para o cumprimento das normas e orientações das autoridades sanitárias e da proteção civil para o país poder vencer a pandemia de covid-19.

Covid-19: PM de Cabo Verde renova apelo para cumprimento de orientações das autoridades

Covid-19: PM de Cabo Verde renova apelo para cumprimento de orientações das autoridades

O primeiro-ministro de Cabo Verde, Ulisses Correia e Silva, voltou hoje a apelar a todos para o cumprimento das normas e orientações das autoridades sanitárias e da proteção civil para o país poder vencer a pandemia de covid-19.

“Em termos de pandemia da covid-19, apelo a todos que cumpram as orientações e as normas emanadas pelas autoridades sanitárias e de proteção civil. Temos que vencer a covid-19. Isso só é possível com a participação responsável de cada cidadão”, pediu o chefe do Governo, numa mensagem de felicitações à Praia pelos 163 anos de elevação à categoria de cidade. 

Cabo Verde regista um acumulado de 23.181 casos de covid-19, muitos dos quais diagnosticados nos últimos dias, com um aumento em vários pontos do país. 

Um deles é a cidade da Praia, que regista neste momento 10.078 casos, dos quais resultaram 90 óbitos, 8.556 recuperados da doença, um transferido e há 1.426 casos ativos. 

A câmara municipal está a assinalar o dia da elevação a cidade com a realização de muitas atividades, que se estendem até 19 de maio, dia do município da Praia.

A autarquia assumiu que está a comemorar o dia “num contexto singular, com o recrudescer atual da covid-19 no país, e particularmente na capital”, mas garantiu que todas as atividades, desportivas, culturais, recreativas, políticas, estão sujeitas a possíveis alterações, conforme a evolução da situação da doença no município. 

Na semana passada, o primeiro-ministro anunciou o reforço das medidas para combater o alastramento da covid-19, depois de vários dias com aumento de casos em várias ilhas. 

Durante o passado fim de semana, as autoridades cabo-verdianas começaram a fiscalizar o cumprimento das medidas, tendo encerrado temporariamente dois espaços de diversão noturna na Praia, bem como acabado com festas privadas ilegais e dispersão de aglomerações de pessoas na vida pública. 

Na sua mensagem alusiva ao dia da cidade da Praia, o primeiro-ministro sublinhou ainda que a capital de Cabo Verde conheceu nos últimos anos “importantes progressos” na segurança pública, na requalificação urbana e ambiental dos bairros, na dinamização cultural e na atração de investimentos privados. 

Mas reconheceu que ainda persistem desafios importantes, como a eliminação da pobreza extrema e a reabilitação de casas de famílias mais pobres, que garantiu estarem no centro das prioridades do Governo.

“Para vencer os desafios sociais, económicos e ambientais que se colocam à Praia, é preciso cultivar uma atitude favorável de parceria entre os poderes públicos, particularmente entre o Governo e a câmara municipal, a prevalência do serviço público e uma forte abertura à sociedade civil”, defendeu Ulisses Correia e Silva. 

O primeiro-ministro garantiu ainda que o Governo que lidera vai continuar a trabalhar pela Praia “como parceiro”, esperando fazer com que a capital do país continue o caminho do desenvolvimento, dos valores da democracia, da coesão social, do empoderamento dos jovens, dos empresários e das famílias. 

Localizada no litoral sul da ilha de Santiago, a então vila da Praia de Santa Maria surgiu em 1615, quando se deu o início do povoamento do planalto situado perto da praia de Santa Maria, oferecendo boas condições para ancoragem de navios. 

A Praia foi elevada à categoria de cidade em 1858, mas o dia 29 de abril é assinalado há apenas dois anos, após ter passado a ser feriado municipal em março de 2018, por deliberação da assembleia municipal.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.152.646 mortos no mundo, resultantes de mais de 149,5 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

RIPE // LFS

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS