Covid-19: Moçambique anuncia mais um óbito e 87 novas infeções

O Ministério da Saúde moçambicano anunciou hoje mais um óbito de um paciente com covid-19, que eleva o cumulativo para 72, tendo registado ainda 87 novas infeções.

Covid-19: Moçambique anuncia mais um óbito e 87 novas infeções

Covid-19: Moçambique anuncia mais um óbito e 87 novas infeções

O Ministério da Saúde moçambicano anunciou hoje mais um óbito de um paciente com covid-19, que eleva o cumulativo para 72, tendo registado ainda 87 novas infeções.

A vítima é um moçambicano, de 51 anos, que esteve internado numa unidade hospitalar da cidade de Maputo, onde morreu no domingo “após o agravamento do seu estado clínico”, disse Benigna Matsinhe, diretora adjunta de Saúde Pública, na atualização de dados sobre a pandemia, no Ministério da Saúde, em Maputo.

As autoridades anunciaram ainda mais 87 casos positivos do novo coronavírus, que elevam o total de casos para 10.088, dos quais 9.789 são de transmissão local e 299 são importados.

“Do total de casos anunciados hoje, oito são crianças menores de 05 anos”, referiu Benigna Matsinhe.

As autoridades de saúde anunciaram ainda mais 212 pessoas dadas como recuperadas, contabilizando um total de 7.550 (74%), enquanto 43 estão internadas nos centros de isolamento.

“Dos internados, 15 estão em estado grave e dois em estado crítico”, referiu.

Do total de 2.462 infeções ativas no país, a cidade de Maputo regista o maior número, com 1.586 casos, seguida de Maputo província, com 561, e as restantes províncias registam menos de 100 casos.

O país testou cumulativamente um total de 155.202 casos suspeitos, desde o anúncio do primeiro caso, a 22 de março.

Moçambique é, entre os países africanos que têm o português como língua oficial, o que tem maior número de casos, enquanto Angola lidera em número de mortes.

Angola regista 218 mortos e 6.366 casos, seguindo-se a Guiné Equatorial (83 mortos e 5.063 casos), Moçambique (72 mortos e 10.088 casos), Cabo Verde (75 mortos e 7.072 casos), Guiné-Bissau (41 mortos e 2.389 casos) e São Tomé e Príncipe (15 mortos e 928 casos).

LYN // JH

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS