Mais de 73 mil pessoas vacinadas no domingo contra gripe e covid-19

Mais de 73 mil pessoas receberam no domingo as vacinas contra a covid-19 e a gripe, das quais 23.182 foram imunizadas com a dose de reforço contra o novo coronavírus, foi hoje divulgado.

Mais de 73 mil pessoas vacinadas no domingo contra gripe e covid-19

Mais de 73 mil pessoas vacinadas no domingo contra gripe e covid-19

Mais de 73 mil pessoas receberam no domingo as vacinas contra a covid-19 e a gripe, das quais 23.182 foram imunizadas com a dose de reforço contra o novo coronavírus, foi hoje divulgado.

Mais de 73 mil pessoas receberam no domingo as vacinas contra a covid-19 e a gripe, das quais 23.182 foram imunizadas com a dose de reforço contra o novo coronavírus, foi hoje divulgado. Os dados constam do relatório diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a vacinação contra o coronavírus e a gripe sazonal feita em Portugal continental.

De acordo com a DGS, 73.114 pessoas foram vacinadas no domingo contra a doença (esquema vacinal iniciado ou completo e reforço) e a gripe sazonal. Deste total, 23.182 pessoas foram inoculadas com a dose de reforço contra o novo coronavírus, 4.538 concluíram a vacinação contra a covid-19, 243 receberam a vacina da gripe e 45.151 crianças dos 5 aos 11 anos iniciaram a imunização da covid-19.

No total acumulado, desde que se iniciaram as respetivas campanhas de vacinação, mais de 8,7 milhões de pessoas têm a vacinação contra a covid-19 completa, mais de 3,3 milhões a dose de reforço e mais de 2,4 milhões a vacina da gripe. Entre as crianças dos cinco aos 11 anos, 300.481 começaram a vacinação contra a covid-19, com uma dose.

O relatório da DGS hoje divulgado refere que das pessoas já vacinadas com a dose de reforço, 89% têm 70 ou mais anos, 74% têm entre 60 e 69 anos e 38% têm entre 50 e 59 anos. Os dados da vacinação são calculados diariamente, entre as 00:00 e as 23:59 relativamente ao dia anterior ao da divulgação do relatório. A covid-19 é uma doença respiratória causada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China.

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS