Covid-19: Mais de 10.000 peregrinos turcos em quarentena após regresso de Meca

Mais de 10.000 peregrinos turcos que regressaram ao país no sábado, oriundos de Meca, foram postos sob quarentena de 14 dias em residências universitárias, após o teste de coronavírus a uma pessoa que esteve na cidade árabe acusar positivo.

Covid-19: Mais de 10.000 peregrinos turcos em quarentena após regresso de Meca

Covid-19: Mais de 10.000 peregrinos turcos em quarentena após regresso de Meca

Mais de 10.000 peregrinos turcos que regressaram ao país no sábado, oriundos de Meca, foram postos sob quarentena de 14 dias em residências universitárias, após o teste de coronavírus a uma pessoa que esteve na cidade árabe acusar positivo.

O ministro da Saúde, Fahrettin Koca, anunciou hoje na rede social Twitter que 10.330 pessoas foram instaladas durante a noite nesses dormitórios, nas cidades de Ancara e Konya.

Koca disse que habilitaram habitações individuais para todos nesses edifícios, que se encontram na maioria vazios, uma vez que muitos universitários foram para casa devido à suspensão das aulas decretada no âmbito das medidas de segurança contra a pandemia de Covid-19.       

As autoridades de saúde turcas estão a controlar já nos aviões todos os peregrinos que chegam de Meca para encaminhar para os hospitais quem apresentar sintomas de ter contaído a doença provocada pelo coronavírus.

A partir da Direção de Assuntos Religiosos determinou-se que no dia 27 de fevereiro se interrompiam as peregrinações à cidade santa, adiantando-se o regresso dos 21.000 turcos que se estima estarem ou terem estado ali.

Os que regressaram antes foram submetidos a controlos e foi-lhes permitido ir para casa, com a recomendação de permanecerem 14 dias isolados.

 

AH // JPF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS