Covid-19: Lar e unidade de cuidados continuados de Alenquer com 71 infetados

Setenta e uma pessoas estão infetadas pela covid-19 no lar e unidade de cuidados continuados da Quinta da Relva, em Olhalvo, no concelho de Alenquer, sendo meia centena utentes e 21 funcionários, disse hoje o delegado de saúde.

Covid-19: Lar e unidade de cuidados continuados de Alenquer com 71 infetados

Covid-19: Lar e unidade de cuidados continuados de Alenquer com 71 infetados

Setenta e uma pessoas estão infetadas pela covid-19 no lar e unidade de cuidados continuados da Quinta da Relva, em Olhalvo, no concelho de Alenquer, sendo meia centena utentes e 21 funcionários, disse hoje o delegado de saúde.

Pompeu Balsa explicou à agência Lusa que os primeiros casos surgiram na sexta-feira, na sequência de um rastreio preventivo a oito funcionários, dos quais cinco vieram a ter teste positivo.

Nesse sentido, as autoridades de saúde determinaram a realização de testes a todos os utentes e funcionários ao serviço das valências de lar e de unidade de cuidados continuados integrados, num total de 116 pessoas.

Dessas, 71 vieram a ter teste positivo à covid-19, das quais 50 são utentes (32 da unidade de cuidados continuados integrados e 18 do lar) e 21 são funcionários (nove da unidade de cuidados continuados integrados e 12 do lar).

“O surto está controlado”, adiantou o delegado de saúde de Alenquer, depois de serem conhecidos os resultados de todos os testes efetuados na instituição.

Todos se encontram a recuperar e a cumprir o isolamento profilático na instituição, estando a maioria assintomática e apenas dois desenvolveram sintomas ligeiros.

O delegado de saúde de Alenquer adiantou que, de acordo com o plano de contingência, os utentes foram separados em alas diferentes das instalações da instituição.

Por não apresentarem sintomas graves, também os funcionários com teste positivo se encontram ao serviço a prestar cuidados aos utentes positivos e a cumprir o isolamento profilático no local de trabalho.

Desde o início da pandemia, Alenquer, no distrito de Lisboa, contabiliza 1141 casos confirmados, dos quais 300 estão ativos, 825 recuperaram e 16 morreram, de acordo com o último boletim epidemiológico da câmara municipal, datado de terça-feira.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.557.814 mortos resultantes de mais de 68,2 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 5.192 pessoas dos 332.073 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

FCC // MCL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS