Covid-19: Itália com mais 8.000 casos continua a baixar pressão nos hospitais

Museus reinventam-se com 400 atividades para celebrar dia internacional em todo o país

Covid-19: Itália com mais 8.000 casos continua a baixar pressão nos hospitais

Covid-19: Itália com mais 8.000 casos continua a baixar pressão nos hospitais

Museus reinventam-se com 400 atividades para celebrar dia internacional em todo o país

Roma, 13 mai 2021 (Lusa) — A Itália contabilizou 8.085 novos casos de covid-19 e 201 mortes nas últimas 24 horas, indicou hoje o Ministério da Saúde italiano, enquanto a pressão hospitalar continua em baixa.

Os números referentes às últimas 24 horas são semelhantes aos registados no dia anterior, quando foram registados 7.852 novos casos, embora tenha sido menor o total de testes de diagnóstico, 287.026 hoje contra os 306.744 da véspera.

O número de óbitos, 201, é menor do que no dia anterior, quando foram contabilizados 262.

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, em fevereiro de 2020, Itália acumulou 123.745 mortes entre os 4.139.160 casos de infeção.

A pressão nos hospitais continua a diminuir e dos atuais 346.08 casos ativos, 15.501 estão hospitalizados (menos 771 do que no dia anterior), com 1.893 internados nas unidades de cuidados intensivos (menos 99).

Hoje, Itália superou as 25 milhões de doses de vacina contra a covid-19, no total de 25.606.730. Desse total, 7.965.525 pessoas, 13,44% do total da população, já recebeu as duas doses.

Em relação às medidas contra a pandemia, apenas três regiões de Itália estão na “zona laranja”, ou de restrição média: Vale de Aosta (norte), Sardenha (centro) e Sicília (sul). Não há nenhuma região na “zona vermelha”, estando as restantes na “zona amarela”.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.333.603 mortos no mundo, resultantes de mais de 160,3 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

 

JSD // PMC

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS