Covid-19: GNR suspende temporariamente 10 postos territoriais em Castelo Branco

A GNR suspendeu temporariamente o funcionamento de 10 postos de atendimento reduzido no distrito de Castelo Branco devido à situação “excecional que o país atravessa”.

Covid-19: GNR suspende temporariamente 10 postos territoriais em Castelo Branco

Covid-19: GNR suspende temporariamente 10 postos territoriais em Castelo Branco

A GNR suspendeu temporariamente o funcionamento de 10 postos de atendimento reduzido no distrito de Castelo Branco devido à situação “excecional que o país atravessa”.

A GNR suspendeu temporariamente o funcionamento de 10 postos de atendimento reduzido no distrito de Castelo Branco devido à situação “excecional que o país atravessa”.

“A suspensão temporária da atividade de alguns Postos Territoriais, os quais já funcionavam em Regime de Atendimento Reduzido, teve como pressuposto as circunstâncias particulares e excecionais que o país atravessa, em especial a reposição do controlo de fronteiras terrestres, tarefa essa com forte empenhamento da Guarda Nacional Republicana”, explicou à agência Lusa a GNR.

Na área do Comando Territorial de Castelo Branco foi temporariamente suspensa a atividade em 10 Postos de Atendimento Reduzido (PAR).

Esta medida de caráter excecional e temporária abrange os Postos Territoriais de Mata, Cebolais de Cima e Malpica do Tejo (Castelo Branco); Unhais da Serra e Paul (Covilhã), Soalheira (Fundão), Monsanto, Ladoeiro e Rosmaninhal (Idanha-a-Nova) e Cernache do Bonjardim (Sertã).

Segundo a GNR, esta medida permitiu a transferência temporária de 43 militares para os Postos Sede de Agrupamento.

“A Guarda [GNR] considerou operacionalmente vantajoso adotar esta medida temporária, a qual permite alocar um maior número de militares para o serviço operacional, nomeadamente para o controlo da fronteira terrestre, sublinhando-se que a mesma apenas vigorará enquanto se afigurar absolutamente necessário, retomando à situação de normalidade logo que possível”, conclui.

LEIA MAIS
Amadora. Jovens apanhados com armas são libertados e não comparecem em tribunal

 

Impala Instagram


RELACIONADOS