Covid-19: França abaixo dos 10.000 novos casos diários regista 70 novas mortes

As autoridades francesas registaram 9.704 novos casos de covid-19 e 70 mortes nas últimas 24 horas .

Covid-19: França abaixo dos 10.000 novos casos diários regista 70 novas mortes

Covid-19: França abaixo dos 10.000 novos casos diários regista 70 novas mortes

As autoridades francesas registaram 9.704 novos casos de covid-19 e 70 mortes nas últimas 24 horas .

Paris, 23 mai 2021 (Lusa) — As autoridades francesas registaram 9.704 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, uma redução em relação aos dias anteriores, tendo também verificado uma diminuição do número de pacientes hospitalizados, mas somando 70 novas mortes.

No seu portal dedicado à publicação dos números diários, o executivo francês anunciou hoje que desde o início da pandemia foram infetadas 5.603.666 pessoas.

O número de novas mortes oficiais também baixou, com 70 óbitos associados à doença provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, menos que os 89 registados no sábado.

No total, e desde o início da pandemia, as autoridades francesas contabilizaram 108.569 óbitos devido à doença.

Também nos hospitais houve uma melhoria, continuando a tendência verificada desde meados de abril.

Durante o dia de hoje estavam hospitalizados 19.720 pacientes, menos 45 que no sábado. Valor distante do registado nos picos da segunda vaga, em novembro (33.500), ou na terceira, em abril (31.000).

Da mesma forma, o número de pacientes em unidades de cuidados intensivos também baixou, estando agora 3.515 doentes nesta situação, menos 29 que no sábado.

No que à vacinação contra a covid-19 diz respeito, França administrou pelo menos uma dose a 23.081.274 pessoas, representando 34,5% da população.

As autoridades de saúde francesas completaram o protocolo de imunização com duas doses junto de 9.706.333 pessoas, o equivalente a cerca de 14% da população.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.456.282 mortos no mundo, resultantes de mais de 166,2 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um coronavírus (SARS-CoV-2) detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

JYO // TDI

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS