Covid-19: Espanha volta a registar mais de 11 mil novas infeções diárias

Espanha registou 11.289 novos casos de covid-19, dos quais quase um terço em Madrid, elevando para 693.556 o número total de infetados até agora.

Covid-19: Espanha volta a registar mais de 11 mil novas infeções diárias

Covid-19: Espanha volta a registar mais de 11 mil novas infeções diárias

Espanha registou 11.289 novos casos de covid-19, dos quais quase um terço em Madrid, elevando para 693.556 o número total de infetados até agora.

Madrid, 23 set 2020 (Lusa) — Espanha registou hoje 11.289 novos casos de covid-19, dos quais quase um terço em Madrid, elevando para 693.556 o número total de infetados até agora, segundo números divulgados pelo Ministério da Saúde espanhol.

Por outro lado, o país contabilizou mais 130 mortes com a doença nas últimas 24 horas, aumentando o total de óbitos para 31.034.

Madrid continua a ser a comunidade autónoma com o maior número de infeções, tendo registado mais 3.730 casos do que o número notificado na terça-feira.

Deram entrada nos hospitais com a doença nas últimas 24 horas 1.362 pessoas, das quais 504 em Madrid, 179 na Andaluzia e 116 na Catalunha.

Há em todo o país 10.755 pessoas hospitalizadas com a doença, que ocupam quase 10% das camas dos hospitais, e 1.436 pacientes estão em unidades de cuidados intensivos.

A área metropolitana de Madrid é desde o início do mês, assim como foi na primavera, o epicentro da pandemia em Espanha, um dos países europeus mais duramente atingidos pelo Covid-19.

O Ministro da Saúde espanhol, Salvador Illa, assegurou hoje que a segunda vaga da pandemia de covid-19 está a ser “claramente” diferente da primeira porque é “de menor intensidade” e a sua taxa de crescimento “é mais lenta”, mas também acrescentou que é preciso estar preparado para todos os cenários.

A região de Madrid, a mais atingida pela pandemia de covid-19 em Espanha, pediu hoje a ajuda dos militares na realização de testes e tarefas de desinfeção.

Também se espera que na sexta-feira o Governo da região de Madrid anuncie o alargamento das medidas de restrição em vigor em algumas zonas sanitárias da cidade a outras áreas.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 971 mil mortos no mundo desde dezembro do ano passado, incluindo 1.928 em Portugal.

Na Europa, o maior número de vítimas mortais regista-se no Reino Unido (41.882 mortos, mais de 409 mil casos), seguindo-se Itália (35.758 mortos, mais de 302 mil casos), França (31.338 mortos, mais de 458 mil casos) e Espanha (31.034 mortos, mais de 690 mil casos).

FPB // FPA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS