Covid-19: Espanha ultrapassa os 800 mil casos com 23.480 desde sexta-feira

Espanha registou desde sexta-feira 23.480 novos casos de covid-19, o que faz subir o número total de infetados para 813.412, segundo números divulgados pelo Ministério da Saúde espanhol.

Covid-19: Espanha ultrapassa os 800 mil casos com 23.480 desde sexta-feira

Covid-19: Espanha ultrapassa os 800 mil casos com 23.480 desde sexta-feira

Espanha registou desde sexta-feira 23.480 novos casos de covid-19, o que faz subir o número total de infetados para 813.412, segundo números divulgados pelo Ministério da Saúde espanhol.

O país tem ainda mais 139 mortos devido à doença notificados nos últimos três dias, aumentando o total de óbitos para 32.225.

Madrid continua a ser a comunidade autónoma com o maior número de novas infeções, tendo adicionado mais 6.616 casos aos números totais de sexta-feira, elevando o número total para 247.575.

Por outro lado, deram entrada nos hospitais com a doença nas últimas 24 horas 891 pessoas, das quais 212 em Madrid, 121 na Andaluzia e 113 na Catalunha.

Estão hospitalizados em todo o país 10.949 pessoas com o novo coronavírus, das quais 1.580 estão em unidades de cuidados intensivos.

As cidades espanholas de Leão e de Palência da comunidade autónoma de Castela e Leão que faz fronteira com Portugal vão limitar a deslocação dos seus habitantes a partir de terça-feira, devido ao aumento de contágios de covid-19.

Vai ser restringida a entrada e saída de pessoas destas duas cidades a partir de terça-feira e durante pelo menos 14 dias, cumprindo assim critérios de luta contra a pandemia estabelecidos pelo Governo espanhol e já em vigor em 10 municípios da comunidade autónoma de Madrid, incluindo a própria capital.

Passa a haver restrições à entrada e saída de pessoas nos respetivos municípios, exceto deslocações “devidamente justificadas”, tais como ao médico, ao trabalho, centros educativos, assistência a idosos, menores e dependentes; e viagens a bancos, tribunais ou outros organismos públicos.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de um milhão e trinta mil mortos no mundo desde dezembro do ano passado, incluindo 2.018 em Portugal.

Na Europa, o maior número de vítimas mortais regista-se no Reino Unido (42.268 mortos, mais de 467 mil casos), seguindo-se Itália (35.986 mortos, mais de 325 mil casos), França (32.198 mortos, mais de 606 mil casos) e Espanha (32.225 mortos, mais de 800 mil casos).

FPB // EL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS