Covid-19: Espanha regista quatro mortes e 124 novos casos nas últimas 24 horas

Espanha registou quatro mortes nas últimas 24 horas com a covid-19 e 124 novos casos de pessoas infetadas, segundo o relatório divulgado hoje com a atualização da situação epidemiológica no país.

Covid-19: Espanha regista quatro mortes e 124 novos casos nas últimas 24 horas

Covid-19: Espanha regista quatro mortes e 124 novos casos nas últimas 24 horas

Espanha registou quatro mortes nas últimas 24 horas com a covid-19 e 124 novos casos de pessoas infetadas, segundo o relatório divulgado hoje com a atualização da situação epidemiológica no país.

O Ministério da Saúde espanhol atualizou para 28.392 o número total de óbitos com a pandemia, mais quatro do que na segunda-feira, havendo nove pessoas que faleceram na última semana, dos quais quatro na comunidade autónoma de Madrid, a mais atingida pela pandemia.

Por outro lado, o total de pessoas infetadas desde o início da doença é de 252.130, dos quais 124 diagnosticados nas últimas 24 horas.

A comunidade autónoma da Catalunha é a região com mais novos casos (36), seguida de Aragão (26) e de Madrid (22).

O relatório diário com a atualização da situação epidemiológica no país informa que já passaram pelos hospitais 125.616 pessoas com a covid-19, tendo dado entrada na última semana 157.

As autoridades sanitárias espanholas manifestaram nas últimas horas a sua preocupação com os surtos de coronavírus no país, principalmente nos municípios de Segrià, na Catalunha, e de A Mariña, na Galiza, que mantêm confinadas quase 300.000 pessoas.

O Governo aprovou hoje a prorrogação até 30 de setembro próximo de algumas das medidas incluídas no “escudo social” contra a crise causada pela covid-19, incluindo o “subsídio social”, a garantia de fornecimentos básicos, a moratória sobre o aluguer de casa e a dívida hipotecária, entre outras.

O Governo regional da Catalunha está a ponderar a obrigatoriedade de usar “sempre” a máscara como meio de luta contra a covid-19.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 538 mil mortos e infetou mais de 11,64 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Os Estados Unidos são o país com mais mortos (130.306) e mais casos de infeção confirmados (mais de 2,93 milhões).

Seguem-se Brasil (65.487 mortes, mais de 1,62 milhões de casos), Reino Unido (44.236 mortos, mais de 285.750 casos), Itália (34.869 mortos e mais de 241.750 casos), México (31.119 mortos, mais de 261 mil casos), França (29.920 mortos, mais de 203 mil casos) e Espanha (28.392 mortos, mais de 252 mil casos).

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS