Covid-19: Diversão itinerante e parques infantis privados permitidos nas zonas em maior desconfinamento

A atividade de diversão itinerante e os parques infantis e aquáticos privados vão poder entrar em funcionamento nos concelhos do continente incluídos no nível mais avançado do plano de desconfinamento, anunciou hoje a ministra da Presidência.

Covid-19: Diversão itinerante e parques infantis privados permitidos nas zonas em maior desconfinamento

Covid-19: Diversão itinerante e parques infantis privados permitidos nas zonas em maior desconfinamento

A atividade de diversão itinerante e os parques infantis e aquáticos privados vão poder entrar em funcionamento nos concelhos do continente incluídos no nível mais avançado do plano de desconfinamento, anunciou hoje a ministra da Presidência.

Após uma reunião do Conselho de Ministros, Mariana Vieira da Silva afirmou, em conferência de imprensa, em Lisboa, que a situação de calamidade no continente vai ser prolongada até 31 de maio (o atual período de vigência termina no domingo) e que a evolução da pandemia de covid-19 neste território permite continuar com as medidas aprovadas, embora com alguns acertos.

“Para todos os concelhos que estiverem no nível maior de desconfinamento — e que são, como veem, quase todos -, [há] a possibilidade de entrada em atividade dos itinerantes de diversão, dos parques infantis que não os públicos, que já tinham aberto há 15 dias, e dos parques aquáticos”, explicou, acrescentando que as restantes regras relativas a cada nível de desconfinamento vão manter-se.

A reabertura das atividades agora permitidas nos municípios mais avançados no plano de desconfinamento tem sido reivindicada pelos empresários destes setores.

ROC // VAM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS