Covid-19: Cabo Verde regista 26 novos casos positivos e leva 15 dias sem mortes

Cabo Verde registou 26 novas infeções pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas e leva 15 dias sem registo de óbitos, o que deixa as autoridades de saúde “bastante satisfeitas”, acreditando já ser efeitos da vacinação.

Covid-19: Cabo Verde regista 26 novos casos positivos e leva 15 dias sem mortes

Covid-19: Cabo Verde regista 26 novos casos positivos e leva 15 dias sem mortes

Cabo Verde registou 26 novas infeções pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas e leva 15 dias sem registo de óbitos, o que deixa as autoridades de saúde “bastante satisfeitas”, acreditando já ser efeitos da vacinação.

Os dados foram avançados em conferência de imprensa pelo diretor nacional de saúde, Jorge Noel Barreto, indicando que do total de 1.032 amostras analisadas nas últimas 24 horas, foram detetados mais 26 casos positivos de infeção pelo novo coronavírus, numa taxa de positividade de 2,5%.

Os novos casos foram diagnosticados na Praia (três), Santa Catarina (três), São Miguel (quatro) e Santa Cruz (um), todos em Santiago, São Filipe no Fogo (dois), Porto Novo em Santo Antão (um), São Vicente e Sal com três cada, Ribeira Brava de São Nicolau (dois) e Maio (quatro).

Cabo Verde registou mais um dia sem conhecimento de óbitos, o que acontece pelo 15.º dia consecutivo, mantendo os 298, uma informação que o diretor nacional de Saúde disse deixar as autoridades sanitárias “bastante satisfeitas”, esperando que assim continue.

E para o profissional de saúde, este dado já deve ser um dos primeiros sinais dos efeitos da vacinação no país, que nas últimas 24 horas deu alta a mais 34 pessoas, de um total agora de 33.330 casos considerados recuperados (97,8%) desde o início da pandemia.

Jorge Barreto avançou ainda que foram detetados 27 casos suspeitos de infeção pelo novo coronavírus e há oito pessoas internadas nos hospitais do país, que chegou a um acumulado de 34.078 casos positivos desde o início da pandemia, dos quais 429 mantêm-se ativos.

Na habitual análise dos últimos 14 dias, o diretor nacional de Saúde avançou que a taxa de infeção foi de 86 casos por 100 mil habitantes, enquanto no mesmo período anterior era de 100 por 100 mil habitantes.

O mesmo responsável realçou uma diminuição de casos positivos, bem como da taxa de positividade, esperando que situação se mantenha para que as autoridades de saúde possam ter algum controlo e focar as atenções na campanha de vacinação, que considerou ser prioridade neste momento.

A covid-19 provocou pelo menos 4.294.735 mortes em todo o mundo, entre mais de 202,8 milhões de infeções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Em Portugal, desde março de 2020, morreram 17.485 pessoas e foram registados 988.061 casos de infeção, segundo a Direção-Geral da Saúde.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como o Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil ou Peru.

RIPE // LFS

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS