Covid-19: Brasil com mais 318 mortes e 14.404 novas infeções

O Brasil registou nas últimas 24 horas mais 318 mortes por covid-19 e 14.404 novas infeções, informou o Ministério da Saúde brasileiro.

Covid-19: Brasil com mais 318 mortes e 14.404 novas infeções

Covid-19: Brasil com mais 318 mortes e 14.404 novas infeções

O Brasil registou nas últimas 24 horas mais 318 mortes por covid-19 e 14.404 novas infeções, informou o Ministério da Saúde brasileiro.

Ao todo, segundo os números oficiais, já morreram desde o início da pandemia no Brasil 574.527 pessoas, de 20.570. 891 casos confirmados de infeção pelo novo coronavírus.

O número de mortes e de casos de hoje desceu para menos de metade em relação a sábado. Nos fins de semana há por norma menos casos reportados, porque há uma menor recolha de dados nos estados brasileiros.

Recuperaram da doença, segundo os valores hoje divulgados, um total de 19.448.816 pessoas.

De acordo com o último boletim epidemiológico difundido pela tutela da Saúde, a incidência da doença no Brasil, país com 212 milhões de habitantes, é agora de 273,4 mortes e 9.788,8 casos por 100 mil habitantes. A taxa de letalidade mantém-se em 2,8%.

São Paulo, o estado mais rico e populoso do país, continua a ser o foco interno da pandemia, concentrando 4.212.611 diagnósticos positivos de Sars-CoV-2 e 144.216 óbitos.

As autoridades sanitárias estão ainda a acompanhar 547.548 casos suspeitos.

A semana que passou foi a menos letal desde o início do ano, segundo fontes oficiais citadas pela agência Efe, um progresso relacionado com o programa de vacinação, que já abrange quase todos os adultos com pelo menos uma dose, e apesar do aumento de circulação da variante Delta da doença, mais transmissível.

A covid-19 provocou pelo menos 4.423.173 mortes em todo o mundo, entre mais de 211,3 milhões de infeções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como o Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil ou Peru.

FP // LFS

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS