Covid-19: Autoridades timorenses anunciam mais 28 casos positivos

Timor-Leste registou nas últimas 24 horas um total de 28 casos de infeção com o novo coronavírus, dos quais apenas quatro com sintomas ligeiros, segundo dados atualizados divulgados hoje pelas autoridades.

Covid-19: Autoridades timorenses anunciam mais 28 casos positivos

Covid-19: Autoridades timorenses anunciam mais 28 casos positivos

Timor-Leste registou nas últimas 24 horas um total de 28 casos de infeção com o novo coronavírus, dos quais apenas quatro com sintomas ligeiros, segundo dados atualizados divulgados hoje pelas autoridades.

Rui Araújo, coordenador da ‘task-force’ para a Prevenção e Mitigação da Covid-19 da Sala de Situação do Centro Integrado de Gestão de Crise (CIGC), explicou que em Díli se registaram 26 casos e em Baucau se registaram dois, tendo duas pessoas sido dadas como recuperadas.

O total de casos ativos no país é agora de 324, com o total acumulado desde o início da pandemia a aumentar para 485, tendo o Laboratório Nacional processado 611 testes, entre os quais 252 referentes a pedido de autorização para saída da zona da cerca sanitária no município de Díli.

Atualmente, há na cidade de Díli 52 focos da covid-19, dos quais oito considerados zonas vermelhas, com elevado índice de transmissão.

As zonas de Díli que motivam mais preocupação em termos de transmissão são BTN-II (Madohi), Aldeia 30 de Agosto (Comoro), Aldeia 03 (Fatuhada), Aldeia 20 de Setembro e Aldeia Metin 1, ambas em Bebonuk, Aldeia Maucoco Mate (Becora), Aldeia Toco Baru 2 (Culuhun).

Desde 07 de março, foram detetados em Díli um total de 318 casos.

Os novos casos detetados hoje incluem quatro pessoas com sintomas ligeiros, sendo os restantes assintomáticos.

Timor-Leste tem atualmente três cercas sanitárias com confinamento obrigatório nos municípios de Díli, Baucau e Viqueque, tendo o Governo pedido ao Presidente da República para renovar durante mais 30 dias o estado de emergência, a partir de 02 de abril.

Questionado hoje sobre qual a recomendação provável do CIGC no que toca à renovação das medidas em vigor, Rui Araújo disse que em termos de saúde pública as medidas devem continuar.

“Do ponto de vista de saúde pública não há outro remédio senão manter cercas para poder conter a propagação, quer dentro das cercas, quer para não expandir para os outros municípios”, considerou.

A grande maioria dos casos detetados até ao momento têm sido assintomáticos, com uma reduzida percentagem de casos ligeiros e apenas três, todos na última semana, a serem considerados moderados, ou seja, a necessitarem intermitentemente de oxigénio.

No caso de Díli, doentes assintomáticos e com sintomas ligeiros estão isolados em dois centros, um em Tasi Tolu, na saída ocidental de Díli, e em Tibar, a oeste da capital, no município de Liquiçá.

No Centro de Isolamento de Vera Cruz estão para já apenas três pacientes infetados cujo estado é considerado “moderado”, ou seja, a necessitarem intermitentemente de oxigénio, segundo Rui Araújo.

Desde o início da pandemia as autoridades timorenses realizaram já quase 40.000 testes sendo que 22.700 desde o início do ano e cerca de 14.700 só desde março, com o Laboratório Nacional com capacidade para processar uma média de mil testes por dia.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.756.395 mortos no mundo, resultantes de mais de 125,4 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

 

ASP // VM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS