Covid-19: Autoagendamento para maiores de 12 anos abre na quinta-feira

O autoagendamento da vacina contra a covid-19 para pessoas entre 12 e 15 anos de idade vai estar disponível entre quinta-feira e sábado e a vacinação destes jovens arranca no fim de semana de 21 e 22 de agosto.

Covid-19: Autoagendamento para maiores de 12 anos abre na quinta-feira

Covid-19: Autoagendamento para maiores de 12 anos abre na quinta-feira

O autoagendamento da vacina contra a covid-19 para pessoas entre 12 e 15 anos de idade vai estar disponível entre quinta-feira e sábado e a vacinação destes jovens arranca no fim de semana de 21 e 22 de agosto.

O autoagendamento da vacina contra a covid-19 para pessoas entre 12 e 15 anos de idade vai estar disponível entre quinta-feira e sábado e a vacinação destes jovens arranca no fim de semana de 21 e 22 de agosto. Até 19 de setembro, o processo deverá estar concluído, segundo o calendário divulgado hoje pela ‘task-force’ que coordena o processo de vacinação contra a covid-19.

O plano prevê que a partir de quinta-feira e até sábado o autoagendamento seja exclusivo para esta faixa etária. Os jovens a partir dos 12 anos que façam o pedido nestas datas, através do portal disponível em www.covid19.min-saude.pt, serão vacinados em dois fins de semana: 21 e 22 de agosto e 28 e 29 de agosto.

Segundo a ‘task-force’, aqueles que recebam a primeira dose no primeiro fim de semana disponível, voltam para a segunda dose em 11 e 12 de setembro e os restantes logo no fim de semana seguinte, em 18 e 19 de setembro.

Na mesma nota, a task force adianta que o autoagendamento para os utentes com idade igual ou superior a 18 anos voltará a ficar disponível a partir de 15 de agosto. Para esta faixa etária, está também disponível desde terça-feira a modalidade “Casa Aberta”, que dispensa marcação, mas exige a obtenção de uma senha eletrónica. O próximo fim de semana, 14 e 15 de agosto, será reservado à vacinação dos jovens com 16 e 17 anos.

Na terça-feira, a Direção-Geral da Saúde (DGS) recomendou a vacinação universal das crianças e jovens entre os 12 e os 15 anos, deixando assim de ficar circunscrita a situações específicas, como os casos em que existam doenças de risco.  Portugal já tem 62% da população com vacinação completa contra a covid-19 e 71% com pelo menos uma dose administrada, com os maiores de 65 anos quase totalmente vacinados. O relatório mais recente de vacinação contra a covid-19 da DGS contabiliza 7.330.505 residentes em Portugal (71%) com pelo menos uma dose de vacina administrada e 6.403.987 pessoas (62%) com a vacinação completa.

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS