Casos de covid-19 em “montanha-russa até ao Natal”

Indicador de transmissão do novo coronavírus desce lentamente desde o final de outubro, mas covid-19 deverá atingir os 7 mil casos diários no fim deste mês.

Casos de covid-19 em

Casos de covid-19 em “montanha-russa até ao Natal”

Indicador de transmissão do novo coronavírus desce lentamente desde o final de outubro, mas covid-19 deverá atingir os 7 mil casos diários no fim deste mês.

A pandemia de covid-19 em Portugal deverá atingir o pico entre 20 de novembro e 6 de dezembro. Deverão, nesse momento, ocorrer entre 6.800 e 7 mil novos casos de infeção por dia, indica Manuel Carmo Gomes, professor de Epidemiologia na Faculdade de Ciências, da Universidade de Lisboa, que acompanha a evolução da crise sanitária. O Rt (indicador do risco de transmissão da doença) desce ligeiramente desde o final de outubro. “Quando o Rt atingir 1, estamos no pico”, esclarece o investigador.

LEIA DEPOIS
Julgado por tentar matar ex-namorada e amiga com caçadeira

Números de covid-19 em “montanha-russa até ao Natal”

A previsão apontam para que o pico aconteça entre o final de novembro e o início de dezembro. Prevê-se que, nesse momento, haja 3.200 internados, 2.745 em enfermaria e 465 em Unidade de Cuidados Intensivos. Ainda assim, Carmo Gomes – especialista que aconselha o Governo, alerta para que as previsões estejam sempre a mudar, tendo melhorado nos últimos dias. Estas últimas previsões não incluem ainda o impacto das medidas aplica-das no atual Estado de Emergência, cujo efeito será sentido dentro de uma semana, pelo menos. O epidemiologista prevê que “até ao Natal, iremos andar um bocado em montanha-russa”, com o número de novos casos de covid-19 a subirem e a descerem sucessivamente.

LEIA AGORA
Moçambique lança projeto-piloto que pode prevenir 75% dos casos de malária

Impala Instagram


RELACIONADOS