Covid-19: Alemanha registou 7.890 novos casos e 157 mortes em 24 horas

A Alemanha registou nas últimas 24 horas 7.890 novos casos de coronavírus e 157 mortes pela doença, anunciou hoje o Instituto Robert Koch, sinalizando um aumento dos contágios e de mortes.

Covid-19: Alemanha registou 7.890 novos casos e 157 mortes em 24 horas

Covid-19: Alemanha registou 7.890 novos casos e 157 mortes em 24 horas

A Alemanha registou nas últimas 24 horas 7.890 novos casos de coronavírus e 157 mortes pela doença, anunciou hoje o Instituto Robert Koch, sinalizando um aumento dos contágios e de mortes.

Berlim, 28 fev 2021 (Lusa) — A Alemanha registou nas últimas 24 horas 7.890 novos casos de coronavírus e 157 mortes pela doença, anunciou hoje o Instituto Robert Koch (RKI) de virologia, sinalizando um aumento dos contágios e do número de mortes na semana.

Há uma semana, houve menos 214 novos contágios e um total de 145 mortos, segundo dados do RKI.

A incidência semanal manteve-se em 63,8 contágios por 100.00 habitantes.

Em janeiro e durante as primeiras semanas de fevereiro, o número de novos contágios desceu, mas essa tendência foi interrompida, o que, segundo o RKI, pode estar relacionado com a presença de novas variantes no país.

Alguns especialistas defendem que o país pode estar no início de uma terceira vaga da pandemia.

Desde o início da pandemia, a Alemanha registou 2.444.896 casos de contágios de coronavírus, 70.756 mortes e 2.248.200 recuperações.

A primeira dose de uma das vacinas contra a covid-19 foi já administrada a 3.881.490 pessoas, cerca de 4,67% da população e a segunda dose a 2.029.490 pessoas.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.518.080 mortos no mundo, resultantes de mais de 113,3 milhões de casos de infeção, segundo o balanço mais recente feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 16.276 pessoas dos 803.844 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

 

ICO // ZO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS