Covid-19: Alemanha regista 610 novos casos e três vítimas mortais num dia

A Alemanha contabilizou 610 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas e mais três vítimas mortais.

Covid-19: Alemanha regista 610 novos casos e três vítimas mortais num dia

Covid-19: Alemanha regista 610 novos casos e três vítimas mortais num dia

A Alemanha contabilizou 610 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas e mais três vítimas mortais.

Berlim, 31 ago 2020 (Lusa) — A Alemanha contabilizou 610 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas e mais três vítimas mortais.

Segundo o Instituto Robert Koch (RKI), foram identificados 242.381 casos desde o início da pandemia de covid-19, entre os quais 216.200 foram considerados curados, e um total de 9.298 óbitos.

A Renânia do Norte-Vestefália, o estado mais populoso da Alemanha, continua a registar o maior número total de casos, 58.687, com mais 103 novos casos nas últimas 24 horas.

O líder desta região, Armin Laschet, defendeu, no domingo, diferentes medidas para cada um dos 16 estados federados da Alemanha, argumentando as diferenças de números.

“Porque é que todas as medidas devem ser iguais, num país com valores tão diferentes de contágios?”, sustentou, em declarações ao jornal “Neu Westfälische”.

Hoje termina a obrigatoriedade do uso de máscara de proteção dentro das salas de aula para os alunos das escolas secundárias e profissionais da Renânia do Norte-Vestefália, mas a sua utilização nas zonas comuns permanece. Esta foi a única região da Alemanha a decretar esta medida.

Ainda assim, pelo menos duas escolas, em Essen e Oberhausen, assumiram continuar o seu uso em todas as áreas da escola. 

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 843 mil mortos e infetou mais de 25 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.819 pessoas das 57.768 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

JYD // FPA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS