Coronavírus | Comboio esteve parado no Entroncamento devido a passageira com queixas

Um comboio internacional Sud Express esteve parado por volta das 23:30 de domingo na estação do Entroncamento, distrito de Santarém, após uma passageira ter alegado estar com sintomas de infeção pelo coronavírus. Circulação foi retomada duas horas depois.

Coronavírus | Comboio esteve parado no Entroncamento devido a passageira com queixas

Coronavírus | Comboio esteve parado no Entroncamento devido a passageira com queixas

Um comboio internacional Sud Express esteve parado por volta das 23:30 de domingo na estação do Entroncamento, distrito de Santarém, após uma passageira ter alegado estar com sintomas de infeção pelo coronavírus. Circulação foi retomada duas horas depois.

Um comboio internacional Sud Express esteve parado por volta das 23:30 de domingo na estação do Entroncamento, distrito de Santarém, após uma passageira ter alegado estar com sintomas de infeção pelo coronavírus. Circulação foi retomada duas horas depois. Tratou-se de “uma passageira proveniente da China que se dirigiu ao revisor com suspeita de estar infetada”, disse à Lusa fonte da PSP de Santarém, adiantando que recebeu o alerta cerca das 23:35. No local esteve uma equipa especializada do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

LEIA DEPOIS
Menina de 9 anos obrigada a lavar casa de banho da escola por chegar atrasada

Todos os passageiros vão ser sinalizados

Questionado pela Lusa, o Comando Distrital de Operações de Socorro de Santarém confirmou apenas que recebeu o alerta para a paragem de um comboio internacional naquela estação cerca das 23:30. O gabinete de comunicação da CP confirmou que o comboio esteve parado naquela estação devido a “uma passageira que se sentiu mal”, adiantando que a interrupção da circulação nestas circunstâncias é “habitual”, sem, no entanto, relacionar a situação com uma possível infeção.

Segundo o Expresso, que cita a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, a passageira em questão foi retirada do comboio para ser transferida para o hospital e fazer testes de despiste, e todos os passageiros vão ser sinalizados.

 

Em Portugal, e até às 19:00 de domingo, a Direção-Geral da Saúde (DGS) registou 85 casos suspeitos de infeção, 12 dos quais ainda estavam em estudo. Os restantes 73 casos suspeitos não se confirmaram, após testes negativos.

LEIA MAIS
Meteorologia: A previsão do tempo para esta segunda-feira, 2 de março

Impala Instagram


RELACIONADOS