COP26: Líderes falam e mundo ouve como se propõem cumprir Acordo de Paris

Os líderes mundiais começam hoje a dizer como se propõem acelerar a redução de emissões de gases poluentes nos seus países, no começo 26.ª cimeira do clima das Nações Unidas (COP26), decisiva para o cumprimento do Acordo de Paris.

COP26: Líderes falam e mundo ouve como se propõem cumprir Acordo de Paris

COP26: Líderes falam e mundo ouve como se propõem cumprir Acordo de Paris

Os líderes mundiais começam hoje a dizer como se propõem acelerar a redução de emissões de gases poluentes nos seus países, no começo 26.ª cimeira do clima das Nações Unidas (COP26), decisiva para o cumprimento do Acordo de Paris.

Seis anos depois do compromisso subscrito por quase todos os países do mundo para limitar o aquecimento global até ao fim do século, é hora de assumirem prazos concretos e metas mais ambiciosas para reduzir emissões, passar de combustíveis fósseis para fontes de energia renováveis, comprometer fundos para ajudar os países mais pobres a adaptarem-se e chegar a acordo sobre o mercado de licenças de emissões poluentes.

O primeiro-ministro do Reino Unido – anfitrião da cimeira, em parceria com a Itália – dará as boas-vindas em Glasgow, na Escócia, às dezenas de chefes de Estado e de governo que hoje e terça-feira, na Cimeira de Líderes Mundiais, farão declarações nacionais de compromissos com o combate às alterações climáticas, numa cerimónia de abertura que se realiza pelo meio-dia.

O primeiro-ministro, António Costa, estará ausente nesta cimeira, apesar de a sua intervenção ter constado na agenda do evento para hoje, a par de líderes de países como os Estados Unidos, Índia, Alemanha e ainda a União Europeia.

No âmbito da Cimeira de Líderes decorrem hoje ainda apresentações científicas sobre o estado do clima global e sobre as consequências de não se conseguirem definir metas que permitam manter o aumento da temperatura global 1,5 graus centígrados acima da temperatura da era pré-industrial.

A 26.ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas (COP26) tem conclusão prevista para 12 de novembro.

APN // HB

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS