Polícia Militar confirma detenção por suspeita do homicídio de Luís Teles

Militar de elite do Exército foi preso pela Polícia Judiciária Militar por ser suspeito do homicídio do colega Luís Teles no passado dia 21 de setembro.

Polícia Militar confirma detenção por suspeita do homicídio de Luís Teles

Polícia Militar confirma detenção por suspeita do homicídio de Luís Teles

Militar de elite do Exército foi preso pela Polícia Judiciária Militar por ser suspeito do homicídio do colega Luís Teles no passado dia 21 de setembro.
Um membro dos Comandos foi hoje preso pela Polícia Judiciária Militar pela suspeita de homicídio de Luís Teles, militar encontrado morto no quartel da Carregueira, Sintra, a 21 de Setembro.

O caso, que no momento em que foi tornado público indicava que Luís Teles estava vestido à civil e que pediu uma metralhadora G-3 a um parceiro, fazendo o disparo fatal de seguida, acabou por sofrer um volte-face quando o jornal ‘I’ desmontou a história e afirmou que Teles estava de serviço na sexta-feira, dia 21 de setembro.

LEIA MAIS: Militar dos Comandos de Sintra morre atingido por arma

Após a notícia do jornal, o caso passou a ser tratado como um crime. A Polícia Judiciária Militar confirmou agora, através de um comunicado, a detenção de um militar e onde confirma que Luís Teles foi vítima de um disparo de G3.

O detido vai agora ser presente a interrogatório judicial de forma a serem-lhe aplicadas as respectivas medidas de coação.

Impala Instagram


RELACIONADOS