Casal de idosos suicida-se para não ser um fardo para a família

Casal de idosos suicida-se para não ser um fardo para a família

Ao fim de 62 anos de casamento, um casal de idosos decidiu suicidar-se para não se tornar num encargo para a família. O caso deu-se no Chile.

José Aedo, de 94 anos, e a mulher, Blanca Sáez, de 86, foram encontrados sem vida pela neta, na casa onde residiam em El Bosque, no Chile, na passada segunda-feira, dia 4 de fevereiro. O casal decidiu acabar com a vida e não se tornar um fardo para a família. As suas intenções foram conhecidas através de uma carta que os idosos, casados há 62 anos, deixaram aos amigos e família.

Na mensagem, José e Blanca, pais de quatro filhos e avós de sete netos, afirmam não querer depender de ninguém, incluindo a nível económico. Caracterizados como um casal tranquilo e harmonioso, o alegado duplo suicídio chocou os mais próximos. «Todas as pessoas estão incrédulas com o que aconteceu. Ninguém esperava isto. Estavam juntos há muitos anos. Têm filhos e netos já adultos», contou uma vizinha ao jornal Milenio.

«Estou a odiar a vida que vos tirou de mim. Vocês eram o meu exemplo de vida. Os meus segundos pais», escreveu a neta do casal, Catherine Aedo, no Facebook.

As autoridades locais já estão a investigar o caso. Ao que tudo indica o homem terá disparado contra a mulher e suicidado-se de seguida. A arma utilizada estava registada no nome da mulher, revelou Eduardo Aros, da Polícia de Investigação.

LEIA MAIS 

Homem que matou filha e sogra no Seixal premeditou homicídios

Leonor Cipriano: «Vou à procura da minha filha, hei-de encontrá-la»

Joana tinha 8 anos quando foi morta pela mãe e tio. O corpo foi dado a comer aos porcos

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Casal de idosos suicida-se para não ser um fardo para a família

Ao fim de 62 anos de casamento, um casal de idosos decidiu suicidar-se para não se tornar num encargo para a família. O caso deu-se no Chile.