Câmara de Lisboa aprova moção para estudar reabertura das discotecas

A Câmara de Lisboa aprovou hoje uma moção que insta o Governo a estudar a reabertura de bares e discotecas com as mesmas regras aplicadas aos restaurantes e sem pistas de dança.

Câmara de Lisboa aprova moção para estudar reabertura das discotecas

Câmara de Lisboa aprova moção para estudar reabertura das discotecas

A Câmara de Lisboa aprovou hoje uma moção que insta o Governo a estudar a reabertura de bares e discotecas com as mesmas regras aplicadas aos restaurantes e sem pistas de dança.

O documento teve os votos favoráveis do CDS-PP, PSD, PCP e BE, tendo apenas o PS votado contra, com o presidente da autarquia, Fernando Medina, a defender que essa opção “não deve ser feita neste momento”.

“A definição da lotação de lugares sentados, a eliminação das pistas de dança e bengaleiros e a medição da temperatura são algumas das regras que podem e devem ser adotadas nestes estabelecimentos”, lê-se na moção apresentada pelo CDS-PP.

LEIA DEPOIS
Covid-19. Há mais 8 mortos e 328 infetados em Portugal

Para os vereadores centristas, “com regras, a fiscalização do seu cumprimento e a fixação de sanções para quem não as cumprir, é possível reabrir bares e discotecas, estabelecendo um horário de encerramento que deverá ser às 02:00 da madrugada para os bares e às 04:00 para as discotecas”.

Intervindo na reunião pública da autarquia, realizada esta manhã, o vereador do CDS João Gonçalves Pereira considerou que os bares e discotecas devem ser “convertidos em espaços onde as pessoas possam estar sentadas”, argumentando “que as alternativas são sempre piores”.

“Tendo como exemplo as regras adotadas para restaurantes”

“Tendo como exemplo as regras adotadas para restaurantes, é possível adotar regras semelhantes para os lugares de diversão noturna, a fim de que nestes locais os jovens possam voltar a um convívio possível, sem correrem o risco das festas e dos encontros improvisados que, naturalmente, tenderão a adotar de novo caso não tenham outras opções”, refere o texto.

A moção solicita também ao Governo que disponibilize “os meios para o reforço e fiscalização de festas e ajuntamentos informais de jovens, em desrespeito pelas regras sanitárias”, bem como para reforçar a “fiscalização do espaço público em geral”.

LEIA MAIS
Covid-19. Espanha vai ter uma praia exclusiva para maiores de 65 anos
Morre com 16 facadas ao tentar defender amante

1 – Aceda a www.lojadasrevistas.pt

2 – Escolha a sua revista

3 – Clique em COMPRAR ou ASSINAR

4 – Clique no ícone do carrinho de compras e depois em FINALIZAR COMPRA

5 – Introduza os seus dados e escolha o método de pagamento

6 – Pode pagar através de transferência bancária ou através de MB Way!

E está finalizado o processo! Continue connosco. Nós continuamos consigo.

Impala Instagram


RELACIONADOS