Bryan McCarthy partiu hoje aos 87 anos depois de formar os melhores manequins portugueses

John Bryan McCarthy faleceu no Hospital Santa Maria, em Lisboa, não tendo resistido a uma infeção respiratória.

Bryan McCarthy partiu hoje aos 87 anos depois de formar os melhores manequins portugueses

John Bryan McCarthy faleceu no Hospital Santa Maria, em Lisboa, não tendo resistido a uma infeção respiratória.

John Bryan McCarthy faleceu na manhã de hoje, 15 de junho, não tendo resistido a uma infeção respiratória. Estava internado no Hospital Santa Maria, em Lisboa, desde o início do mês, depois de ter sofrido a um AVC. A notícia foi dada por uma das melhores amigas do principal responsável pela geração de ouro dos melhores modelos de Portugal, a psicóloga Teresa Paula Marques, também ela, na juventude, manequim e aluna do “Mestre”, como todos reconheciam no mundo da Moda nacional.

A despedida de Teresa Paula Marques ao amigo Bryan McCarthy

Bryan McCarthy
Teresa Paula Marques e Bryan McCarthy

“Conheci-o aos 15 anos e com ele tornei-me modelo profissional, actividade que mantive até aos 25. Ensinou-me tanta coisa! A importância do rigor, da pontualidade britânica, da humildade e do respeito pelos outros. Lembro-me de que, durante o curso, só ele podia fazer reparos aos alunos e não permitia, não admitia, que alguém se risse de um colega”, recorda a psicóloga. “Esta atitude reforçava os laços entre nós e diminuía a tendência para a rivalidade. Dizia-nos que nos devíamos «esforçar por ser elegantes nos gestos, não só nas vestes». Que a beleza «não valia de NADA, caso não fosse acompanhada de carácter».”

Mestre McCarthy moldou carreiras e personalidades

Bryan McCarthy
Fernanda Branco, Bryan McCarthy e Raúl Durão

Teresa Paula Marques admite que o trato de McCarthy ultrapassava a do mero professor. Formava o carácter e não somente o modelo. “Eu era uma jovenzinha, tímida e insegura, e a ele lhe devo, em parte, no que me tornei. Formou uma geração de grandes modelos e, mesmo os que a certa altura optaram por outro caminho profissional (como é o meu caso), certamente lhe estarão gratos. Voltámos a ver-nos há oito anos [a fotografia reproduzida acima é desse encontro] numa homenagem organizada por um grupo de ex-alunos e o meu coração encheu-se de alegria e de orgulho porque o Mestre reconheceu-me. Hoje partiu Fica o legado e o meu enorme obrigada. Até sempre, querido Mestre”, despede-se a psicóloga Teresa Paula Marques.

Impala Instagram


RELACIONADOS