Grávida transportada de Faro para Lisboa por falta de incubadoras, mas bebé morre

Mulher grávida de 32 semanas foi transportada na passada sexta-feira, 2 de agosto, do Hospital de Faro para o Hospital Amadora-Sintra por falta de incubadoras. O bebé acabou por morrer minutos depois do nascimento

Grávida transportada de Faro para Lisboa por falta de incubadoras, mas bebé morre

Grávida transportada de Faro para Lisboa por falta de incubadoras, mas bebé morre

Mulher grávida de 32 semanas foi transportada na passada sexta-feira, 2 de agosto, do Hospital de Faro para o Hospital Amadora-Sintra por falta de incubadoras. O bebé acabou por morrer minutos depois do nascimento

Uma mulher grávida de 32 semanas foi transportada na passada sexta-feira, 2 de agosto do Hospital de Faro para o Hospital Amadora-Sintra por falta de incubadoras. O bebé acabou por morrer minutos após o nascimento, avança o Correio da Manhã.

LEIA DEPOIS
Previsão do tempo para amanhã, quinta-feira

Bebé nasce com várias complicações e morre minutos após o nascimento

A jovem, de 23 anos, apresentava sintomas semelhantes a uma pré-eclâmpsia, uma situação que provoca hipertensão e riscos para a mãe e para o feto. Por isso, os médicos decidiram que era necessário provocar o parto. Porém, as 10 incubadoras do Hospital de Faro estavam ocupadas, e a grávida foi transportada para Lisboa. De acordo com a mesma publicação, a mulher teve o bebé de cesariana no sábado, 3 de agosto, que nasceu com várias complicações, acabando por morrer pouco depois do nascimento.

LEIA MAIS
Preços de combustíveis vão ser monitorizados
Acidente na A1 faz um morto. Dois bombeiros atropelados

Impala Instagram


RELACIONADOS