Bebé internado em estado muito grave com suspeitas de maus-tratos

Avó do bebé, de 38 anos, matou namorado da filha em 2016.

Bebé internado em estado muito grave com suspeitas de maus-tratos

Bebé internado em estado muito grave com suspeitas de maus-tratos

Avó do bebé, de 38 anos, matou namorado da filha em 2016.

Um bebé de quatro meses está internado, desde o inicio do mês, em estado “muito grave e com prognóstico reservado” no Hospital de São João, no Porto. Há suspeitas de maus-tratos e o caso está a ser acompanhado pelas autoridades. O menino, deu entrada em dia 4 de agosto, transferida de outro hospital. Segundo fonte oficial daquela unidade de saúde do Porto, “foi internada no Serviço de Medicina Intensiva Pediátrica, com um quadro clínico considerado muito grave e com prognóstico reservado”. O hospital adianta que o bebé “está a ser acompanhado por uma equipa especializada de profissionais, sendo que a situação clínica continua a ser bastante complexa e preocupante”.

Avó de 38 anos matou namorado da filha

O caso está a ser seguido pelo Ministério Público/DIAP/PJ e pela Comissão de Proteção de Crianças e Jovens. A mãe, atualmente com 18 anos, e a avó, de 38, do bebé estiveram envolvidas num crime chocante. A mulher, na companhia de um jovem, de 19 anos, matou o namorado da filha, com 15 anos. Tentaram queimar o cadáver e, como não conseguiram, enterraram o corpo no jardim de uma casa que sabiam estar desocupada. Com apenas 12 anos, a filha foi acusado de profanação de cadáver, por ter ajudado a enterrar o corpo do namorado, e foi institucionalizada.

Impala Instagram


RELACIONADOS