Avanço do mar devido às alterações climáticas deixa Portugal em alerta

Inundações frequentes em Lisboa e Porto, Peniche voltará a ser uma ilha. Estas são apenas algumas das previsões assustadoras até 2030.

Avanço do mar devido às alterações climáticas deixa Portugal em alerta

Avanço do mar devido às alterações climáticas deixa Portugal em alerta

Inundações frequentes em Lisboa e Porto, Peniche voltará a ser uma ilha. Estas são apenas algumas das previsões assustadoras até 2030.

Portugal vai sofrer, nos próximos nove anos, uma transformação radical da costa devido à subida do nível do mar. Peniche voltará a ser uma ilha. No estuário do Tejo, o mar da Palha duplicará de área, com a Lezíria a ficar submersa. Impacto semelhante será observado no estuário do Sado. As previsões são da responsabilidade da ‘Climate Central‘, uma organização internacional de cientistas que faz os cálculos com base em imagens recolhidas, por satélite, pela NASA. O resultado obtido à escala global para 2030 coloca Portugal em risco.

Tal como dá conta o CM, a ria de Aveiro irá perder a quase totalidade do cordão dunar que a separa do Atlântico. O mesmo ocorrerá no Algarve, com boa parte das ilhas na ria Formosa a ficarem submersas. No rio Mondego, a maior parte dos terrenos agrícolas nos concelhos da Figueira da Foz, Soure e Montemor-o-Velho não vão resistir ao avanço do mar. Mais a norte, cenários semelhantes nos rios Minho e Lima. Os efeitos perturbadores que resultam das alterações climáticas irão ainda provocar a ocorrência com maior frequências de inundações em Lisboa e Porto.

O mapa da ‘Climate Central’ coloca como áreas sensíveis todos os terrenos para onde estão previstos grandes projetos na margem sul do Tejo. Em Almada, ficará submersa parte dos antigos terrenos da Lisnave, para onde está planificada uma nova zona urbana. No Seixal, a área de indústria pesada ficará, parcialmente, também debaixo de água, tal como os terrenos destinados ao terminal de contentores do Barreiro e da pista da área do Montijo.

LEIA AINDA
Onda de calor atinge Portugal e temperaturas podem subir 20 graus
Onda de calor atinge Portugal e temperaturas podem subir 20 graus
Uma onda de calor vai assolar a Europa na segunda metade do mês de agosto, elevando as temperaturas até mais 20 graus do que o habitual para a época e Portugal não será exceção. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS