Autoridades restringem circulação de veículos em Nova Deli devido à poluição

As autoridades indianas restringiram hoje a circulação de veículos particulares nas ruas da capital da Índia, perante níveis recorde de poluição que provocaram uma crise de saúde pública e provocaram problemas respiratórios aos moradores de Nova Deli.

Autoridades restringem circulação de veículos em Nova Deli devido à poluição

Autoridades restringem circulação de veículos em Nova Deli devido à poluição

As autoridades indianas restringiram hoje a circulação de veículos particulares nas ruas da capital da Índia, perante níveis recorde de poluição que provocaram uma crise de saúde pública e provocaram problemas respiratórios aos moradores de Nova Deli.

Um esquema de rotação permitirá apenas aos veículos particulares com matrículas com números ímpares de circular nos dias ímpares, enquanto as matrículas com números pares são permitidas em dias pares.

Este sistema foi iniciado dias após as autoridades aplicarem medidas de controlo de emergência e ordenarem o encerramento das escolas, já que os níveis de poluição atingiram o nível mais alto dos últimos três anos.

O índice de qualidade do ar para Nova Deli, medido pelo Conselho Central de Controle da Poluição, foi considerado “severo” e ultrapassou em cerca de nove vezes o limite máximo recomendado.

A poluição do ar em Nova Deli e nos estados do norte da Índia atinge o seu pico no inverno, quando os agricultores das regiões agrícolas vizinhas fazem queimadas para limpar a terra após a colheita e para preparar a próxima safra.

A poluição na capital indiana também atinge altos níveis após as celebrações de Diwali, o festival hindu de luz, quando as pessoas disparam fogo de artifício.

Algumas pessoas, perturbadas com a poluição, disseram que queriam deixar a cidade, de mais de 20 milhões de pessoas, devido à sua baixa qualidade do ar.

Polícias de trânsito, usando máscaras protetoras, fiscalizaram o sistema de rotação de matrículas em Nova Deli.

O ministro-chefe de Nova Deli, Arvind Kejriwal, pediu que os moradores sigam as regras e que os motoristas particulares de táxi e tuk-tuk o apoiem.

Segundo as autoridades, quase 1,2 milhões de veículos registados em Nova Deli estarão fora da estrada todos os dias durante as restrições de duas semanas.

As restrições à circulação de veículos foram o projeto do governo da cidade, liderado pelo Partido Aam Aadmi, para combater a poluição do ar.

O esquema foi implementado duas vezes em 2016, mas permaneceu controverso e os críticos questionam o seu impacto.

As emissões industriais e de veículos, os poluentes dos fogos de artifício e o pó da construção aumentam acentuadamente a cada inverno, exacerbando o que já é uma crise de saúde pública.

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgados no ano passado deram à Índia a distinção dúbia de ter as 10 cidades mais poluídas do mundo.

Enquanto isso, o Supremo Tribunal da Índia pediu na hoje a responsabilização dos governos estaduais pela deterioração da qualidade do ar, dizendo que a capital estava a sufocar a cada ano, o que “não pode ser permitido num país civilizado”.

O tribunal esteve a ouvir questões sobre poluição e ordenou que o governo de Nova Deli produzisse dados ou registos para provar que as restrições dos veículos reduziram a poluição.

O tribunal também proibiu atividades de construção ou demolição na capital até novas ordens.

CSR // FPA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS