Amareleja inaugura Casa da Memória de Eunice Muñoz, atriz natural da vila

A Amareleja, no concelho de Moura (Beja), inaugura, na quinta-feira, a Casa da Memória de Eunice Muñoz, uma homenagem “em vida” da vila que viu nascer a atriz, de 93 anos, que estará presente na cerimónia.

Amareleja inaugura Casa da Memória de Eunice Muñoz, atriz natural da vila

Amareleja inaugura Casa da Memória de Eunice Muñoz, atriz natural da vila

A Amareleja, no concelho de Moura (Beja), inaugura, na quinta-feira, a Casa da Memória de Eunice Muñoz, uma homenagem “em vida” da vila que viu nascer a atriz, de 93 anos, que estará presente na cerimónia.

Trata-se de um espaço “pequeno, mas digno”, no centro da localidade, frisou, em declarações à agência Lusa, o presidente da Junta de Freguesia da Amareleja, Joaquim Mário, entidade que teve a iniciativa de colocar em andamento o projeto. A iniciativa contou com a colaboração da própria Eunice Muñoz, bem como de alguns familiares da atriz, e estava prevista “há muito tempo”, mas foi sofrendo atrasos sucessivos, o último dos quais relacionado com a pandemia de covid-19.

“Sempre quisemos que a casa fosse criada ainda com a Eunice Muñoz em vida e a pandemia estava a atrasar-nos, mas a valentia da Dona Eunice conseguiu ultrapassar também esses percalços. É bom ela ainda ver esta casa, saber que existe e é, sem dúvida, uma mais-valia para a Amareleja”, destacou Joaquim Mário.

A Casa da Memória de Eunice Muñoz conta com o apoio da Direção Regional de Cultura do Alentejo, da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, da Câmara Municipal de Moura e do Museu Nacional do Teatro e da Dança, entidades que estarão representadas na inauguração. A primeira exposição vai ter a duração de “entre seis meses e um ano”, mas depois “outras exposições virão, com assuntos mais abrangentes ou mais específicos”, mas sempre relacionados com a vida e a obra da atriz natural daquela vila alentejana.

Contará com objetos e fotos da atriz, assim como outros materiais em formato áudio e vídeo, entre os quais “alguns documentários cedidos pela RTP” (Rádio e Televisão de Portugal). O espaço onde será instalada a habitação não corresponde, no entanto, à casa onde a atriz nasceu e que acabou por dar o seu nome à rua.

Eunice Muñoz, de 93 anos, nasceu na Amareleja, concelho de Moura, distrito de Beja, em 30 de julho de 1928, tendo logo aos cinco anos de idade entrado em pequenas peças musicais. A atriz tem décadas de trabalho no teatro, televisão e cinema português, sendo considerada uma das melhores atrizes nacionais.

Em 2018, no dia do seu 90.º aniversário, foi condecorada pelo presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, com a Grã-Cruz da Ordem de Mérito “pela admirável carreira da uma das mais reconhecidas e amadas atrizes portuguesas”, de acordo com uma nota então divulgada pela Presidência da República.

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS