Alerta de “agravamento considerável” do vento e agitação marítima

A Autoridade Marítima Nacional alertou hoje para um “agravamento considerável” das condições meteorológicas e agitação marítima a partir de sexta-feira, com ventos fortes e ondas altas.

Alerta de

Alerta de “agravamento considerável” do vento e agitação marítima

A Autoridade Marítima Nacional alertou hoje para um “agravamento considerável” das condições meteorológicas e agitação marítima a partir de sexta-feira, com ventos fortes e ondas altas.

Num alerta hoje divulgado, e de acordo com as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), a AMN e a Marinha apontam para um agravamento a partir das 06:00 de sexta-feira e das 12:00 de segunda.

Segundo o alerta, a agitação marítima será caracterizada por uma ondulação de oeste/noroeste que “poderá atingir os oito metros e uma altura máxima de 12, com um período médio a variar entre os 10 e os 18 segundos” e são “esperados ventos com uma intensidade média até 85 quilómetros (km) e rajadas até 120 km”, provenientes do mesmo quadrante.

Face a estas previsões, a Autoridade Marítima Nacional e a Marinha “reforçam a recomendação, em especial à comunidade piscatória e da náutica de recreio que se encontra no mar, para o eventual regresso ao porto de abrigo mais próximo e a adoção de medidas de precaução”.

Recomenda-se o reforço da amarração e vigilância das embarcações atracadas e fundeadas e aconselha-se igualmente a que os marítimos mantenham um estado de vigilância permanente e acompanhem a evolução da situação meteorológica.

À população em geral, a Autoridade Marítima desaconselha os passeios junto à orla costeira e nas praias, bem como a prática de atividades nas zonas expostas à agitação marítima ou atingidas pela rebentação.

Em especial, deve ser evitado o acesso e permanência junto às falésias e zonas de arriba, sendo essencial que se adote uma postura preventiva, não se expondo desnecessariamente ao risco.

Também o IPMA emitiu hoje um “Aviso Laranja” para sete distritos do continente entre sexta-feira e sábado devido à previsão de agitação marítima forte, com ondas com cinco a seis metros, que poderão atingir os 10/11 metros de altura máxima.

O aviso engloba os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria e Lisboa e estará em vigor entre as 12:00 de sexta-feira e as 06:00 de sábado, passando depois a amarelo entre as 06:00 e as 11:00 de sábado.

O IPMA colocou também os distritos de Setúbal, Beja e Faro sob “Aviso Amarelo” devido à agitação marítima, prevendo-se ondas de oeste-noroeste com 4 a 5 metros.

A agitação marítima levou igualmente o IPMA a colocar sob “Aviso Amarelo” a costa norte da Madeira e o Porto Santo entre as 12:00 de sexta-feira e as 09:00 de sábado, prevendo-se ondas de noroeste com quatro a cinco metros.

O “Aviso Laranja” é o segundo mais grave e representa uma situação meteorológica de risco moderado a elevado, enquanto o “Aviso Amarelo” é emitido pelo IPMA sempre que a situação meteorológica representa risco para determinadas atividades.

ARA (DD) // ZO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS