Adepto do Benfica | «É uma coisa impressionante, não sei como não morreu»

O adepto do SL Benfica que se encontrava no autocarro atacado na Autoestrada 1, perto de Gaia, vai necessitar de uma cirurgia para reconstruir a sua face.

Adepto do Benfica | «É uma coisa impressionante, não sei como não morreu»

Adepto do Benfica | «É uma coisa impressionante, não sei como não morreu»

O adepto do SL Benfica que se encontrava no autocarro atacado na Autoestrada 1, perto de Gaia, vai necessitar de uma cirurgia para reconstruir a sua face.

Bruno Simões, adepto encarnado que seguia a bordo do autocarro da Casa do Benfica de Barcelos que foi atacado em plena A1, irá necessitar de uma cirurgia de reconstrução facial.

O ataque que aconteceu no domingo, 23 de dezembro, após a vitória das ‘águias’ frente ao SC Braga, foi levado a cabo por elementos a bordo de um veículo ligeiro que, perto da zona de Grijó-Gaia, atirou pedras para dentro do pesado de passageiros e provocou vários feridos.

Adeptos do Benfica alvos de ataque bárbaro

Segundo fonte do clube da Luz ao Portal Impala, a vítima tem uma parte do crânio e da face «metida para dentro». A fonte, que já visitou Bruno Simões no Hospital Santos Silva, em Gaia, conta os momentos de terror vividos pelos passageiros.

Os atacantes conseguiram travar a marcha do autocarro, obrigando-o a parar em plena autoestrada, saíram com pedras do carro em que seguiram e tentaram atacar o motorista.

As pedras atiradas para o interior do veículo acabaram por acertar no jovem de 25 anos, que no momento se encontrava a dormir, incauto da ameaça, ferindo-o com gravidade e provocando um traumatismo cranioencefálico.

LEIA MAIS: Funcionária do McDonald’s é agredida por causa de uma palhinha [vídeo]

Cirurgia marcada para hoje

A mesma fonte afirma que o adepto irá ser operado durante o dia de hoje, numa intervenção complexa e que poderá demorar mais de 10 horas. «É uma coisa impressionante (…), não sei como não morreu», afirma a fonte do clube encarnado.

Impala Instagram


RELACIONADOS