Já foram angariados quase 4000 euros para transladação de corpo de português

Valdo Jardim foi encontrado morto em Londres, a cinco minutos de casa, pela irmã.

Já foram angariados quase 4000 euros para transladação de corpo de português

Já foram angariados quase 4000 euros para transladação de corpo de português

Valdo Jardim foi encontrado morto em Londres, a cinco minutos de casa, pela irmã.

Valdo Jardim, de 30 anos, foi encontrado morto numa rua em Londres, a cinco minutos de onde vivia e o corpo continua no país britânico, à espera de ser transladado para Portugal. O caso chocou uma colega de trabalho do português, que iniciou uma campanha com vista a financiar o regresso do corpo à Madeira, onde será sepultado.

LEIA DEPOIS
Médico acusado de matar idosos através do uso abusivo de sedativos

Das 5000 libras pretendidas, já foram angariadas 3320 [cerca de 3870 euros], através da campanha lançada no GoFundMe.  Este valor foi reunido apenas 22 horas. «Isto é realmente uma contribuição extraordinária, até ao momento», declarou a colega de trabalho da vítima. A maior parte das contribuições rondou os 10 e 15 libras, mas houve quem contribuísse com uma quantia maior.

A investigação da polícia ao caso continua a decorrer, não estando excluída a hipótese de crime.

Corpo encontrado por irmã da vítima

O jovem madeirense de 30 anos, natural do concelho da Calheta, foi encontrado morto no dia 12 de janeiro, a cinco minutos de casa, perto do centro de Londres. O Diário da Madeira a irmã da vítima, com quem vivia, achou estranho quando o jovem não chegou a casa à hora usual. Telefonou para o trabalho do irmão, onde lhe foi dito que Valdo já tinha terminado o horário laboral há algum tempo.

A jovem foi procurar pelo irmão, encontrando-o a cinco minutos de casa com uma fratura no crânio. As causas da morte do madeirense estão ainda por averiguar.

LEIA MAIS
Meteorologia: O tempo para esta quarta-feira, 15 de janeiro

Impala Instagram


RELACIONADOS