Agente da PSP de Lisboa e mulher detidos por burlas em várias zonas do País

Mulher ficou em prisão preventiva e o agente da PSP ficou proibido de exercer funções e de contactar com as vítimas.

Agente da PSP de Lisboa e mulher detidos por burlas em várias zonas do País

Agente da PSP de Lisboa e mulher detidos por burlas em várias zonas do País

Mulher ficou em prisão preventiva e o agente da PSP ficou proibido de exercer funções e de contactar com as vítimas.

Um agente da PSP de Lisboa foi detido, juntamente com a companheira, por suspeitas de crime de burla qualificada, em várias zonas do país, divulgou esta quinta-feira o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (Cometlis). “A investigação, que durou vários meses, permitiu recolher fortes indícios da prática de burlas pela detida, em coautoria com o seu companheiro, em diversas zonas do país, as quais consistiam na aquisição de bens e serviços, falsificando os comprovativos de pagamento”, lê-se na nota.

Em comunicado, o Cometlis refere que, após primeiro interrogatório judicial, foi decretada prisão preventiva à mulher, enquanto o agente da PSP, pertencente àquele Comando, ficou proibido de exercer funções e de contactar com as vítimas.

O Cometlis adianta ainda que, além das medidas de coação decretadas pelo tribunal, o polícia será sujeito a procedimento disciplinar, “tendo já em instrução vários processos, alguns deles motivados por denúncias apresentadas anteriormente”.

VEJA AGORA:
Mulher vendia droga em creche ilegal com 13 crianças em risco no Montijo
Mulher vendia droga em creche ilegal com 13 crianças em risco no Montijo
Agentes da PSP foram investigar uma suspeita de maus tratos numa possível creche ilegal no Montijo. No local encontraram 13 menores, com idades entre os 18 meses e os nove anos de idade, em situação precária e em risco (… CONTINUE A LER AQUI)

Impala Instagram


RELACIONADOS