Fique a saber o que aconteceria ao mundo com a explosão de todas as bombas nucleares

Em 2019 existiam 15 mil armas nucleares em todo o mundo e uma explosão simultânea teria poder suficiente para acabar com a raça humana.

Fique a saber o que aconteceria ao mundo com a explosão de todas as bombas nucleares

Fique a saber o que aconteceria ao mundo com a explosão de todas as bombas nucleares

Em 2019 existiam 15 mil armas nucleares em todo o mundo e uma explosão simultânea teria poder suficiente para acabar com a raça humana.

Desde que a guerra se instalou na Ucrânia que Vladimir Putin já deixou diversas ameaças no ar. Como é o caso das prometidas “consequências que ninguém enfrentou na história” caso outros países saiam em defesa da Ucrânia. Além disso, o presidente russo já fez saber que as forças nucleares do seu país estão em alerta máximo. Pegando nesta ideia, vamos imaginar o que aconteceria ao mundo caso todas as bombas nucleares explodissem ao mesmo tempo.

LEIA AINDA
Tropas russas atacam ambulância que transportava feridos [vídeo gráfico]

A resposta a este cenário catastrófico chega através do canal de YouTube Kurzgesagt. Com um vídeo que conta com mais de 25 milhões de visualizações desde o momento do lançamento. A publicação aconteceu há três anos, mas está bastante atual, devido ao cenário de guerra na Europa. Sem esquecer as ameaças nucleares.

O vídeo é criado com base nas 15 mil armas nucleares existentes no mundo. Isto até 2019, o que significa que o número poderá ser diferente. Com apenas três seria possível destruir uma cidade completa. O vídeo compara o poder das 15 mil ogivas nucleares a três mil milhões de toneladas de TNT. Que é 15 vezes mais devastador do que a erupção vulcânica mais poderosa do mundo. Agora, vamos para um cenário diferente. Que passa pela explosão das 15 mil ogivas nucleares num mesmo local. Neste caso seria criada uma bola de fogo nunca antes vista. Com 50 quilómetros de largura. E uma onda de choque que teria poder para destruir tudo num raio de mais de três mil quilómetros. Além disso, a onda de pressão seria sentida em todo o mundo durante semanas. Sem esquecer que a explosão seria audível globalmente.

Explosão simultânea acabava com a raça humana

A nuvem resultante do cogumelo provocado pela explosão iria ser tão alta que sairia das bordas da atmosfera. Quase a avançar para o espaço. Se a referia explosão simultânea acontecesse na floresta da Amazónia, o continente sul-americano ficaria em chamas. Por sua vez, a radiação mataria tudo dentro do raio da explosão. Fazendo com que centenas de quilómetros ao redor da explosão ficassem inabitáveis. Pegando ainda no local da Amazónia, a radioatividade na atmosfera seria suficiente para matar a raça humana, refere o vídeo.

Texto: Bruno Seruca; Fotos: Shutterstock

Impala Instagram


RELACIONADOS