«Se soubesse o que sei hoje, nunca teria engravidado»

«Se soubesse o que sei hoje, nunca teria engravidado»

Ser mãe é um sentimento único, no entanto, também pode trazer coisas menos boas.

Ser mãe é um sentimento único, no entanto, também pode trazer coisas menos boas. Eis o testemunho de uma mulher que «se soubesse o que sabe hoje, nunca teria engravidado».

«Não quero julgamentos. Cada mulher sente a maternidade à sua maneira. E sim, amo muito os meus filhos, mesmo quando me levam à loucura.

Tenho 44 anos e dois gémeos para criar. Dois rapazões de apenas quatro anos que parecem mais dois furacões!

A história da minha vida resume-se ao sonho de ser mãe e durante anos não ter conseguido engravidar. Casei-me com 28 anos e pouco antes da cerimónia deixei a pílula. Ambos sabíamos bem o que queríamos, tínhamos estabilidade financeira e emocional. Naquela altura era tudo tão diferente…

Foram mais de 10 anos a tentar alcançar um objetivo que só foi conseguido através de inúmeros tratamentos.

Quando decidimos avançar com a inseminação artificial sabíamos que poderiam vir gémeos… mas não sabíamos do resto», continue a ler aqui.

LEIA MAIS: Viciada em tabaco fumou «durante a gravidez toda». Sabe o que lhe disse o médico…?

Fotos: DR

 

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS