Maioria dos portugueses acredita que a relação fica a ganhar com a masturbação

Novo estudo vem dar a conhecer a forma como os portugueses encaram a masturbação e tudo aquilo que pensam sobre o tema que muitos consideram um tabu.

Maioria dos portugueses acredita que a relação fica a ganhar com a masturbação

Maioria dos portugueses acredita que a relação fica a ganhar com a masturbação

Novo estudo vem dar a conhecer a forma como os portugueses encaram a masturbação e tudo aquilo que pensam sobre o tema que muitos consideram um tabu.

Existem diversas opiniões sobre a masturbação. Existem também diversos relatos de especialistas que recomendam esta prática como sendo benéfica para a pessoa bem como para a relação com outra pessoa. Agora, um estudo da marca sueca Lelo vem dar a conhecer a forma como os portugueses encaram a masturbação.

É isto que todos os casais têm de fazer na cama
Esqueça tudo aquilo que ouviu em relação à forma de ter o melhor sexo de sempre. A realidade é muito mais simples do que possa imaginar e só tem de fazer na cama aquilo que iremos revelar (… continue a ler aqui)

O trabalho, realizado em março e que contou com 562 portugueses com idades compreendidas entre os 18 e os 65 anos, mostra que apenas 5% dos inquiridos olham para a masturbação como um tema tabu. Por sua vez, 57% são da opinião de que é um tema tabu na sociedade. E 38% salientam que é um assunto carregado de preconceitos. Por outro lado, 47% referem que têm facilidade em abordar o tema. Ainda que 45% só o façam com alguma reserva. Em relação aos que não falam sobre a masturbação, 74% dizem que o fazem por vergonha. Enquanto 26% defendem ser um tema pessoal.

Apenas 5% dos inquiridos olham para a masturbação como um tema tabu

O trabalho mostra ainda que oito em cada 10 portugueses estão confiantes em relação à masturbação. Sendo que os restantes não escondem a culpa, ansiedade e também o medo de serem apanhados. 14% dos portugueses dizem que se masturbam numa base diária. 27% fazem-no oito vezes ao mês, 23% quatro vezes e 36% uma vez. 60% são da opinião de que a masturbação tem várias vantagens, até para a saúde. No que a relações diz respeito, 73% dizem estar à vontade para falar sobre masturbação com a outra pessoa. Já 27% assumem vergonha de o fazer. Ainda que 51% já se tenham incentivado mutuamente a recorrer à masturbação como um dos atos sexuais. 40% dizem que nunca o fizeram e 5% contam que já o fizeram, mas não se sentiram confortáveis com isso.

73% dizem estar à vontade para falar sobre masturbação com a outra pessoa

Outro dado importante é que 76% das pessoas acreditarem que um relacionamento amoroso pode ficar a ganhar com a masturbação. Sendo que oito em cada 10 pessoas são da opinião de que tanto solteiros como comprometidos podem e devem masturbar-se. Por fim, a Lelo refere que 31% dos entrevistados afirmaram que recorrem, em metade das vezes, a brinquedos sexuais durante a masturbação. Já 23% dizem que o fazem quase sempre. E 37% defendem que a experiência da masturbação fica melhor com brinquedos sexuais.

Texto: Bruno Seruca; Fotos: Shutterstock

Impala Instagram


RELACIONADOS