Japão está a testar folgas às segundas para reduzir stress

No Japão trabalha-se tanto e morre-se tão frequentemente de cansaço extremo que até já existe uma palavra para tal: karoshi.

Japão está a testar folgas às segundas para reduzir stress

Japão está a testar folgas às segundas para reduzir stress

No Japão trabalha-se tanto e morre-se tão frequentemente de cansaço extremo que até já existe uma palavra para tal: karoshi.

O Japão quer criar uma folga por mês, às segundas-feiras de manhã, para reduzir o stress dos seus trabalhadores. O Ministério da Economia, Comércio e Indústria anunciou o projeto na semana passada e esta é mais uma tentativa do governo para reduzir o cansaço da população.

No final de julho, 30% dos funcionários do órgão começaram o expediente apenas depois do almoço.

A medida foi nomeada como “Segunda Brilhante” e o governo japonês acredita que poderá melhorar a economia do país. Mais ainda, esta iniciativa vem ao encontro de uma outra, lançada pelo Governo nipónico no ano passado. Pretendendo  incentivar o consumo, as empresas foram encorajadas a deixar os seus funcionários saírem às 15h00, na última sexta-feira do mês, altura em que muitos recebem os salários, para poderem usar esse dinheiro para viajar e ir às compras.

No Japão trabalha-se tanto e morre-se tão frequentemente de cansaço extremo que até já existe uma palavra para tal: karoshi.

LEIA MAIS: Mitsubishi investigada por novo caso de excesso de trabalho no Japão

Em 2015, um empregado que cumpria uma jornada de 100 horas semanais cometeu suicídio e levantou a questão dos impactos do trabalho em excesso na vida dos japoneses.

Em 2016, uma pesquisa governamental com dez mil trabalhadores concluiu que mais de 20% estavam a fazer mais de 80 horas extras por mês.

Um estudo de 2017 do Instituto Nacional Japonês de Segurança e Saúde Ocupacional identificou que os suicídios estão a aumentar, especialmente em pessoas com idades entre os 20 e os 29 anos.

Impala Instagram


RELACIONADOS