IKEA: Novo catálogo está a chegar. Estas são as cinco peças que não pode perder

É já a partir do dia 13 de agosto que o Catálogo IKEA 2020 começa a ser distribuído pelas casas das famílias portuguesas. A marca foca-se nos quartos e em três tendências básicas: sustentabilidade, urbanização e tecnologia.

IKEA: Novo catálogo está a chegar. Estas são as cinco peças que não pode perder

É já a partir do dia 13 de agosto que o Catálogo IKEA 2020 começa a ser distribuído pelas casas das famílias portuguesas. A marca foca-se nos quartos e em três tendências básicas: sustentabilidade, urbanização e tecnologia.

É já a partir do dia 13 de agosto que dois milhões de exemplares do Catálogo IKEA 2020 começam a ser distribuídos pelas casas das famílias portuguesas. No entanto, quem é membro IKEA Family terá acesso à versão digital quatro dias antes. A marca foca-se nos quartos e em três tendências básicas: sustentabilidade, urbanização e tecnologia.

LEIA DEPOIS
Rafaela Garcez, a portuguesa que tirou o curso de organização com Marie Kondo

Tendências do catálogo IKEA 2020

Ao longo das 286 páginas, além dos produtos pensados «para dar uma resposta, de forma criativa, funcional e eficiente» às casas nacionais, mas com um foco especial nos quartos, e em tudo o que tem impacto para proporcionar uma «boa noite de sono», a grande novidade prende-se com os preços dos 130 produtos que, este ano, apresentam um valor mais reduzido.

Cinco peças a não perder

No ano em que a marca celebra 15 anos de atividade em Portugal, a equipa da IKEA escolheu cinco peças que refletem as macrotendências apresentadas no catálogo 2020: Sustentabilidade, Urbanização e Tecnologia.

1 – Candeeiro SYMFONISK – Um exemplo de tecnologia associada à decoração e à vida em casa: €179,00;
2 – Caixa OMBYTE – Faz parte de uma coleção que retrata a tendência da mobilidade constante, consequência da urbanização: €59,00/uni;
3 – PLATSA – Um artigo que surge no seguimento das nossas casas serem cada vez mais pequenas e de precisarmos de soluções cada vez mais multifuncionais que nos permitam aproveitar o espaço disponível da melhor forma possível (Urbanização): PSC;
4 – Candeeiro SVALLET – Exemplo perfeito de Design democrático,  em que as linhas aliadas à funcionalidade, à qualidade, à sustentabilidade e ao preço baixo garantem a atribuição do prémio Red Dot (Sustentabilidade).
5 – Hambúrguer vegetariano – Exemplo do que a IKEA pode fazer para tornar o seu negócio mais sustentável, proporcionando aos clientes alternativas alimentares mais saudáveis e sustentáveis: €2,00.

LEIA MAIS
Previsão do tempo para sábado, 3 de agosto

Fotos: DR

Impala Instagram


RELACIONADOS