Este fim de semana fuja para… Évora

A cerca de uma hora e um quarto de carro de Lisboa, nesta Páscoa deixe as boas temperaturas levarem-no para Évora, capital do Alto Alentejo. Perca-se nas ruas, na história e nas paisagens do coração da planície alentejana e tenha um fim de semana santo

Este fim de semana fuja para… Évora

A cerca de uma hora e um quarto de carro de Lisboa, nesta Páscoa deixe as boas temperaturas levarem-no para Évora, capital do Alto Alentejo. Perca-se nas ruas, na história e nas paisagens do coração da planície alentejana e tenha um fim de semana santo

A nossa casa é onde a nossa família está. Nesta Páscoa mude faça novas tradições pegue na sua família, na sua cara metade, nos seus filhos ou no seu espírito de aventura e venha descobrir umas das mais belas localidades do nosso país.

Évora fica no coração da planície alentejana, conhecida como a Capital do Alentejo é uma localidade cheia de história e de energia. Marcada desde o período pré-histórico até aos dias de hoje, esta região foi uma terra de especial importância durante o período romano e medieval. Hoje é conhecida pela beleza das suas paisagens, pela riqueza dos seus monumentos e pela sua inigualável gastronomia.

Onde ficar

Convento do Espinheiro – A Luxury Colletion Hotel & SPA – As escapadinhas são os momentos perfeitos para trazer o seu lado mais excêntrico ao de cima. Este fim de semana tenha todo o luxo e conforto que merece no Convento do Espinheiro. Por 270 euros por noite, tire uns dias só para si para levar uma boa massagem, relaxar na piscina, beber um cocktail na esplanada e deixar que os sons da natureza o façam esquecer o stress da vida diária. No entanto, se gosta de relaxar mas não quer perder tudo o que Évora tem para oferecer, este também é local ideal, visto que em 10 minutos de carro está no centro da cidade.

M’AR De AR Muralhas – Situado no coração da cidade de Évora o hotel M’AR De AR Muralhas é perfeito para quem quer estar perto de tudo a pé. Enquadrado pela muralha histórica, este hotel proporciona um ambiente verdadeiramente mágico. Aproveite o bom tempo e abstraia-se do resto do mundo no bar esplanada do hotel e deixe-se deslumbrar pelo famoso céu estrelado das noites alentejanas. Por 81 euros por pessoa tenha todo o conforto e tranquilidade que precisa no meio da cidade de Évora.

StayInn ALE-HOP – A cinco minutos a pé do Templo Romano e da Sé Catedral, o StayInn ALE-HOP é um hostel no primeiro andar da conhecida loja de design ALE-HOP. Deixe-se de desculpas e por 45 euros por pessoa, escolha um quarto ou um dos estúdios com vista para a cidade. Fique à conversa no agradável pátio do hostel e relaxe num fim de semana com tudo a que tem direito.

Onde comer

Origens Restaurante  – Considerado um dos melhores restaurantes da cidade, o Origens tem como objectivo acrescentar um toque de contemporaneidade à cozinha tradicional alentejana. Gerido pelo Chef Gonçalo Queiroz, este restaurante quer acima de tudo proporcionar-lhe uma experiência gastronómica cheia de criatividade, requinte e sabor. Os preços vão de 35 a 50 euros por pessoa.

Café Alentejo –  Situado no coração do centro da cidade,  se quer conhecer “uma taberna dos meados do século XX, que em tempos foi estalagem Real” não pode deixar de visitar o Café Alentejo. Para além de toda a história que se respira e a fantástica cozinha, neste restaurante vai encontrar uma enorme colecção do melhor video que se faz na região. Apesar de também poder comer um prato principal, o Café Alentejo apoia-se na degustação de petiscos e prova de sabores alentejanos, escolhidos criteriosamente para serem os melhores. Entre 15 a 25 euros por pessoa é obrigatório experimentar os ovos mexidos com farinheira.

Restaurante Salsa Verde – Ser vegetariano no Alentejo nem sempre é fácil. Mas em Évora ser vegetariano não é sinónimo de passar fome ou gastar rios de dinheiro numa boa refeição. O Salsa Verde é um espaço caseiro cheio de charme, que apesar de não ter menus fixos oferece sempre pratos que integram no conceito vegetariano os sabores tradicionais da culinária alentejana. Entre 6 a 12 euros coma uma refeição saudável sem perder todo o sabor da região.

O que ver

Um dos locais mais visitados em Évora é a Igreja de São Francisco, onde está inserida a famosa Capela dos Ossos. Entre a curiosidade, o mistério e alguns arrepios, a Capela dos Ossos é um dos ex-libris desta região. Mandada construir no século XVII por três franciscanos, a capela está revistas de ossos e crânios humanos. Com o objectivo de demonstrar a fragilidade e pequenez da vida humana, calcula-se que estejam embutidas na parede cerca de 5000 caveiras humanas.

Ainda sobre lugares de culto, vale a pena passar pela Basílica Sé de Nossa Senhora da Assunção, mais conhecida como Sé Catedral de Évora. Sendo a maior catedral medieval de Portugal é um monumento fascinante e imponente onde poderá sentir-se numa verdadeira viagem ao passado. Para a melhor foto do seu fim de semana suba ao terraço da catedral e tire uma selfie com a melhor vista de Évora. A Sé Catedral de Évora inclui ainda um Museu de Arte Sacra com um espólio valiosíssimo nas áreas da paramentaria, pintura, escultura e ourivesaria.

Mas sem dúvida que o local mais emblemático de Évora é o Templo Romano, conhecido como o Templo de Diana. Situado no centro histórico da cidade, o templo foi considerado pela UNESCO, Património Mundial da Humanidade. Representado um dos vestígios mais bem conservados da presença romana em Portugal, o Templo de Diana seria um local de culto ou em honra da Deusa romana da caça (Diana) ou do Imperador Augusto que foi adorado como um Deus antes e após o seu reinado.

Voltando aos museus, depois de visitar a Sé e o Templo Romano não deixe de passar no Museu de Évora e deixe-se fascinar pela fantástica colecção arqueológica que o vai transportar para outros tempos. Desde o período pré histórico até ao medieval, não pense que não passará pela época romana.

Para fazer umas comprinhas, tomar um bom café ou beber uma cerveja ao final do dia,sinta o pulsar da cidade na Praça do Giraldo. Conhecida por ser um local de encontro e de convívio social depois de um dia bem passado, não deixe de atirar uma moeda para a fonte, no meio da praça, e pedir um desejo!

Por último, se for a Évora não deixe de visitar os Cromeleque dos Almendres. Situado na freguesia de Nossa Senhora de Guadalupe, a 19 minutos de carro do centro de Évora, o cromeleque são um grupo de pedras pré-históricas dispostas em círculo do período megalítico. Considerado o monumento do seu tipo mais importante da península ibérica, não apenas pelas suas dimensões, como também pelo seu estado de conservação, pensa-se que este monumento foi criado por questões de culto religioso.

Se o bom tempo continuar recomendamos o Ciclo de Concertos ao Ar Livre no Auditório da Malagueira, na sexta feira dia 14 de abril, pelas 21h30 que conta com a presença da Janita Salomé com o espectáculo o Cravo e a Rosa, ao som do pianista Filipe Raposo. Para uma noite memorável, no sábado à noite, 15 de abril, não perca Sérgio Rossi ao Vivo, participante do programa de TVI – A Tua Cara Não Me é Estranha, no MusicCafé em Montemor-O-Novo a partir das 23h30. Se gosta de feirinhas, de 14 a 16 de abril visite a feira de Queijo e Sabores em Borba e entre visitas a queijarias, espectáculos de bandas e coros ao vivo e muito queijo tenha uma Páscoa feliz.

 

 

Impala Instagram

Mais

RELACIONADOS