Dieta cetogénica | Tome nota dos 4 erros mais comuns

A dieta cetogénica é uma das mais populares do momento, mas existem diversos riscos que devem ser tidos em conta e que são perigosos para a saúde.

Dieta cetogénica | Tome nota dos 4 erros mais comuns

Dieta cetogénica | Tome nota dos 4 erros mais comuns

A dieta cetogénica é uma das mais populares do momento, mas existem diversos riscos que devem ser tidos em conta e que são perigosos para a saúde.

Seguida por diversas celebridades internacionais, a dieta cetogénica é uma das que está na moda. De forma resumida, este regime alimentar consiste em não comer mais de 30 gramas de hidratos de carbono diariamente. Optando por grandes quantidades de gorduras boas, carne, laticínios, nozes e óleos.

Esta dieta está associada a um emagrecimento rápido, sendo que existem diversos perigos associados à mesma. Aliás, diversos especialistas garantem ser a mais radical de todas. Se está a pensar seguir a dieta cetogénica, esteja alerta em relação aos quatro erros mais cometidos pelas pessoas que optam por este tipo de alimentação, segundo o site para eles.

LEIA DEPOIS
Doente renal dá a volta ao mundo com a família: «Somos melhores pessoas agora»

Cuidado com os 4 erros mais comuns relacionados com esta dieta

1 – Não ser acompanhado por um especialista
Antes de se atirar de cabeça para uma dieta destas deverá consultar um nutricionista, porque existem diversos riscos associados. Por exemplo, uma mulher grávida ou que esteja a amamentar não deverá submeter-se a esta dieta, pois existe o risco de insuficiência de nutrientes. Tanto para a mãe como para o bebé.

2 – Cortar radicalmente com os hidratos de carbono
Se está habituado a níveis elevados de hidratos e, repentinamente, passar para quantidades muito pequenas, o corpo irá sentir esta mudança drasticamente. Corre o risco de adoecer ou de contrair gripe cetogénica. O ideal é cortar com os hidratos de carbono de forma moderada.

3 – Não escolher os melhores legumes
Muitas pessoas ignoram o facto de que os vegetais também têm hidratos de carbono. Se não ingerir os legumes certos, a dieta poderá não fazer efeito. Antes de iniciar este plano de restrição alimentar deverá informar-se sobre a quantidade de hidratos de carbono presentes em cada vegetal.

4 – Beber pouca água
Se não beber água suficiente, poderá dar origem à retenção de substâncias no organismo. O que, por sua vez, provoca inchaços. Lembre-se de que o corpo é “limpo” com muitos líquidos, sobretudo quando está a perder massa gorda.

LEIA MAIS
Michael Jordan, Ronaldo e Messi lamentam morte do pai «fantástico» que era Kobe Bryant
A história de amor de Sofia Escobar dava um filme

Impala Instagram


RELACIONADOS