Como enfrentar os desafios da idade no Dia Mundial do Sexo

As mudanças físicas, psicológicas, fisiológicas e emocionais que surgem com o avançar da idade colocam desafios à intimidade. No Dia Mundial do Sexo, que se celebra hoje, deixamos-lhe seis dicas muito úteis para que possa superar qualquer adversidade.

Como enfrentar os desafios da idade no Dia Mundial do Sexo

Como enfrentar os desafios da idade no Dia Mundial do Sexo

As mudanças físicas, psicológicas, fisiológicas e emocionais que surgem com o avançar da idade colocam desafios à intimidade. No Dia Mundial do Sexo, que se celebra hoje, deixamos-lhe seis dicas muito úteis para que possa superar qualquer adversidade.

As mudanças físicas, psicológicas, fisiológicas e emocionais que surgem com o avançar da idade colocam desafios à intimidade. No Dia Mundial do Sexo, que se celebra nesta segunda-feira, 6 de setembro, deixamos-lhe seis dicas muito úteis para que possa superar qualquer adversidade. Não é segredo que manter uma vida sexual ativa tem vários benefícios, nomeadamente para o bem-estar físico, mental e social, proporcionando uma maior qualidade de vida.

O envelhecimento traz mudanças fisiológicas. Na mulher, com a chegada da menopausa, o desejo sexual e a lubrificação são afetados pela diminuição de estrogénio. Já no homem, a produção de testosterona começa a cair a partir dos 40 anos, o que pode traduzir-se em situações de disfunção erétil e de diminuição do desejo sexual.

Irina Marques, especialista em Sexologia Educacional e diretora da Flame Love Shop, ao site de informação infocul.pt, explica que “é indispensável perder o medo ou a vergonha de falar sobre estas situações, saber partilhar com os parceiros e procurar ajuda especializada, em qualquer idade, sempre que necessário”. Os desafios provocados pela mudança de idade permitem “um novo olhar sobre a intimidade” e (re)descobrir “outras formas de dar e sentir prazer“. Também o lado emocional não deve ser menosprezado já que “a sexualidade inclui o amor, o carinho e a partilha com o outro”, sublinha a especialista.

Como enfrentar os desafios da idade no Dia Mundial do Sexo
Irina Marques, especialista em Sexologia Educacional

E agora, as vantagens. Com o passar da idade, tende-se a alcançar um melhor entendimento, não só de si próprio, como do parceiro. Para Irina Marques, “o autoconhecimento, a autoestima, a habilidade comunicativa e a perda de inibições à medida que a vida avança são aspetos positivos para as relações e a intimidade”.

Seis dicas para enfrentar os desafios da idade

1. Sem pressas
Comece por saber (e aceitar) que o ato sexual não vai ser sempre igual. Com o avançar da idade, no caso dos homens, é perfeitamente natural que o ritmo sofra alterações e o corpo deixe de aguentar maratonas sexuais ou penetração por longos períodos. Mas lembre-se: o caminho para o orgasmo não se atinge (só) em velocidade.

2. Não seja forreta no lubrificante
Com a chegada da menopausa, as mulheres sofrem alterações fisiológicas e a vagina perde lubrificação, o que pode provocar dor e desconforto. Por isso, adquira um bom lubrificante será o seu melhor amigo e não seja forreta na hora de o usar.

3. (Re)descubra novas formas de prazer
A procura pode ser tão excitante, como a descoberta de novas formas de prazer. Lembre-se que sexo não é penetração e, como tal, deve investir no toque, nos beijos, na massagem, na masturbação, no sexo oral ou até em novas posições.

4. Use brinquedos sexuais
Deixe a vergonha de lado e traga acessórios sexuais para a intimidade porque eles são excelentes aliados na conquista do prazer. A mulher pode ganhar satisfação com um vibrador e o homem com um anel peniano, utilizado para manter uma ereção firme durante mais tempo.

5. Ouso de estimulantes
Os estimulantes podem ser muito úteis para quem tem dificuldades em ter e/ou manter uma ereção. Apesar de existirem opções naturais, o melhor é mesmo aconselhar-se com o seu médico antes de fazer qualquer tipo de experiência.

6. Dê azo às fantasias
Com o envelhecimento não tem de deixar de sonhar. Explore as fantasias que ainda não concretizou e construa novos desejos. Lingeries, roupas sexy que representam personagens ou jogos eróticos são excelentes opções.

LEIA AINDA

Atriz porno admite sexo com futebolista português: «Micropénis mais pequeno que vi»
“Quando finalmente tirou os boxers… Aquele era sem dúvida o micropénis mais pequeno que tinha visto. Para o masturbar ia precisar de pinças, um microscópio e um GPS”. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS