Descubra o efeito secundário de comer curgete

Fique a saber o que pode acontecer quando consome curgete, ainda que o efeito secundário só se manifeste num caso específico.

Descubra o efeito secundário de comer curgete

Descubra o efeito secundário de comer curgete

Fique a saber o que pode acontecer quando consome curgete, ainda que o efeito secundário só se manifeste num caso específico.

A curgete é uma variedade de abóbora que é bastante popular. Até porque estamos a falar de um alimento bom para a saúde. E basta, por exemplo, destacar a presença de vitaminas, minerais e também polifenóis. Estes últimos tem o poder de atuar como antioxidantes. Uma das formas como muitos consomem curgete é na substituição da batata nas sopas. Apesar de ser uma opção saudável, o consumo pode dar origem a um efeito secundário negativo.

Antes de avançarmos, explicamos desde já que é algo que só acontece quando a curgete não está confecionada na perfeição. Tudo por cauda do nutriente chamado celulose. Que são as fibras insolúveis, aquelas que a tornam mais dura e mais difícil de mastigar. Se não estiver bem cozinhada, a ingestão de curgete pode dar origem a inchaço.

É fundamental que a curgete esteja cozinhada na perfeição

É certo que para muitos não será um efeito secundário extraordinário. Ainda assim, é algo que pode provocar dores intensas em algumas pessoas. Como é o caso daquelas que sofrem com a síndrome do intestino irritável. O excesso de fibras insolúveis é algo que pode dar origem a desconforto no trato gastrointestinal. Algo que se traduz em gases e também a distensão abdominal.

LEIA AINDA
Nove alimentos termogénicos que são aliados na luta contra o peso

Impala Instagram


RELACIONADOS