Os 6 passos obrigatórios para planear as férias perfeitas

Se já está a pensar nas próximas férias, não ignore estas seis dicas que vão fazer com que evite muitas dores de cabeça.

Os 6 passos obrigatórios para planear as férias perfeitas

Os 6 passos obrigatórios para planear as férias perfeitas

Se já está a pensar nas próximas férias, não ignore estas seis dicas que vão fazer com que evite muitas dores de cabeça.

É no verão que boa parte das pessoas opta por gozar o maior período de férias. E se existem aqueles que preferem passar as férias em Portugal, há cada vez mais gente a escolher o estrangeiro para recarregar baterias para mais uma temporada no trabalho. Só que as férias que se desejam perfeitas podem transformar-se num pesadelo. Existem pequenos detalhes que podem transformar o sonho numa dor de cabeça capaz de estragar uma viagem que se queria perfeita. De modo a evitar problemas desnecessários, a Globalis Viagens, empresa especializada em viagens e eventos corporativos, partilha aquelas que são as 6 dicas para planear uma viagem com sucesso.

Estas são as pessoas que nunca se chegam à frente para pagar uma conta
Tem um (ou mais) amigo que nunca se chega à frente para pagar uma conta? Pois bem, a justificação pode estar no zodíaco (… continue a ler aqui)

1 – Marque a viagem no seu todo
Tente planear a viagem no seu todo para que a mesma seja coerente e consiga ser desfrutada ao máximo. Prepare a viagem com algum tempo de antecedência com a sua agência de viagens e avalie todas as questões de preço/qualidade.

2 – Tenha atenção à verificação da documentação necessária
Verifique junto da sua agência se o seu destino requer que se faça acompanhar de algum tipo de documentação obrigatória como o passaporte ou um visto. Depois de facultar os dados à sua agência, esta consegue avisá-lo antecipadamente quando a validade dos seus documentos de viagem estiver a terminar, de forma a evitar uma situação de não embarque na viagem. Dependendo do destino, existe a possibilidade de ter de fazer uma consulta do viajante ou plano de vacinação, cuja documentação terá também de o acompanhar.

3 – Faça uma check-list para que nada falte
Desde adaptadores elétricos ao cartão de crédito, passando também pelos típicos medicamentos que nunca temos quando precisamos. O facto de criar uma check-list ajuda também a que concilie com a sua agência se precisa de levar, ou não, uma mala de porão. Atualmente as companhias aéreas cobram malas no porão e graças à check-list poderá evitar custos desnecessários de até cerca de 50€ por pessoa.

Marcar a viagem no seu todo e optar pelo check-in online são detalhes que podem fazer a diferença

4. Verifique a atualidade do seu destino
Mediante o destino para o qual pretende viajar, a sua agência de viagens poderá sugerir o melhor momento para que possa desfrutar sem percalços tais como greves, conflitos políticos, condições climatéricas adversas, entre outros.

5. Faça check-in online antecipadamente e vá com antecedência para o aeroporto
Evite deixar tudo para a última e poupe-se ao stress de última hora. Se por algum motivo houver um contratempo no percurso até ao aeroporto arrisca-se a perder o seu voo. E se não tiver feito o check-in online, o caos está instalado. Mediante a situação, a Globalis Viagens oferece aos seus clientes o serviço de check-in online.

6. Considere a aquisição de um seguro de viagem
Nunca sabemos quando podemos adoecer inesperadamente. Por vezes, acontece na pior altura possível, quando estamos de viagem e fora do país. Considerando este cenário, considere a hipótese de fazer um seguro de viagem que garanta assistência médica quando dela mais precisa.

Texto: Bruno Seruca; Fotos: Daria Shevtsova/Pexels

Impala Instagram


RELACIONADOS