Estas são as 5 desculpas mais utilizadas para fugir ao sexo

A famosa dor de cabeça é apenas uma das desculpas que as pessoas mais utilizam para evitar relações sexuais. Mas há muito mais para descobrir. Até as soluções para que as desculpas deixem de ser uma realidade.

Estas são as 5 desculpas mais utilizadas para fugir ao sexo

Estas são as 5 desculpas mais utilizadas para fugir ao sexo

A famosa dor de cabeça é apenas uma das desculpas que as pessoas mais utilizam para evitar relações sexuais. Mas há muito mais para descobrir. Até as soluções para que as desculpas deixem de ser uma realidade.

Existe uma frase que se destaca quando o tema é encontrar desculpas para fugir ao sexo. “Hoje não, dói-me a cabeça” é provavelmente a mentira mais utilizada por quem não está com vontade de ter uma relação sexual. E que não pretende de revelar que simplesmente não quer. Agora, damos a conhecer as desculpas mais utilizadas pelas pessoas. E explicamos quais as que têm o seu fundo de verdade. Tal como a solução para que deixem de se utilizadas.

Beijar quatro minutos por dia é o mesmo do que lavar os dentes e passar fio dental
Especialista refere que beijar alguém quatro minutos por dia faz maravilhas pela saúde da boca e que equivale ao mesmo do que lavar os dentes e passar fio dental (… continue a ler aqui)

1 – Dói-me a cabeça
Esta é a desculpa das desculpas! “Dói-me a cabeça” é a maior mentira associada à pouca vontade de ter sexo. Mas, verdade seja dita, se realmente existir uma dor de cabeça, é normal que a vontade seja menor. Isto apesar de diversos estudos defenderem que os orgasmos são bons para curar dores de cabeça. Tracey Cox, uma especialista em relações, é da opinião de que os casais necessitam de ajuda quando esta desculpa é utilizada frequentemente.

2 – Estou cansado
Outra mentira bastante popular. Que ganha contornos de realidade quando estamos perante casais com filhos e com profissões que ocupam muito tempo. Nestes casos é possível que exista cansaço e que, em alguns casos, o sexo acabe relegado para segundo plano. Tracey Cox entende que uma das solução passa por falar com o parceiro e chegar a acordo em relação ao número de relações sexuais por mês.

3 – Sinto-me gordo
Vários especialistas olham para esta desculpa como uma problema real. Quando as pessoas sentem que têm peso a mais, perdem vontade de estar despidas junto de outras pessoas. Lidar com a nudez nessas situações pode transformar-se num problema sério. A solução poderá passar por pensar naquilo que se sente durante o sexo em vez de pensar no corpo.

As desculpas mais utilizadas para evitar relações sexuais podem ter um fundo de verdade, mas Tracey Cox, especialista em relações, defende que todas têm solução.

Estou ocupado
Diversos estudos apontam que a maior frustração sexual dos casais passa pela falta de tempo. O que faz com que esta desculpa possa ter o seu fundo de verdade. Por outro lado, Tracey Cox questiona o tempo que os casais passam nas redes sociais. E defende que os casais podem (e devem) canalizar algum desse tempo para os momentos íntimos.

Não tenho orgasmos, para quê ter sexo?
Esta é uma desculpa mais associada às mulheres. E os números que levam a esta questão dão que pensar. 56% das mulheres atingem o orgasmo quando se masturbam. Número que desce para os 24% quando se trata de relações sexuais. O que faz com que a desculpa até seja comum. Tracey Cox defende que as mulheres não comunicam com os parceiros em relação aquilo de que precisam para atingir o orgasmo.

Texto: Bruno Seruca; Fotos: W R/Pexels

Impala Instagram


RELACIONADOS