Rainha Isabel II deixa (finalmente) de usar peles de animais

Já em 2013 a PETA tinha instigado a rainha a tomar esta decisão.

Rainha Isabel II deixa (finalmente) de usar peles de animais

Já em 2013 a PETA tinha instigado a rainha a tomar esta decisão.

Depois de várias marcas mudarem o seu posicionamento quanto a este tema, foi a vez da Rainha Isabel II, após 67 anos de reinado, anunciar que não vai mais usar casacos de pele de animal.

LEIA DEPOIS

Harry acusa Meghan de o afastar da família real

De acordo com Angela Kelly, assistente da rainha, esta tem um sem fim de casacos de peles e mantos para funções oficiais, mas decidiu deixar de os usar. No novo livro, The Other Side Of The Coin, Angela afirma que já a partir deste ano os casacos de pelo que a rainha usa já serão falsos. Só não fica claro qual o procedimento quanto às roupas oficiais, como o manto.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por The Royal Family (@theroyalfamily) a

«A Rainha parar de usar pele é uma clara mensagem de que o material está fora de moda e que o cuidado com animais é mais importante», comemorou a organização Humane Society International.

Os elementos da realeza são muitas vezes criticados pela quantidades de peças de pele de animal que ostentam. Kate Middleton, por exemplo, esteve debaixo de fogo em 2006, ainda antes de se tornar duquesa, quando usou um chapéu de visom.

Já em 2013 a PETA tinha instigado a rainha a tomar esta decisão.

LEIA MAIS

Kate Middleton tem a mesma doença que a monarca

Impala Instagram


RELACIONADOS